Segunda-feira, Maio 17, 2021
10 C
Braga
InícioRegiãoVizelaFeirantes contra suspensão da feira semanal em Vizela

Feirantes contra suspensão da feira semanal em Vizela

CM Vizela

Vários feirantes manifestaram-se, na manhã desta quinta-feira, junto à Câmara Municipal de Vizela, contra a suspensão das feiras semanais, medida tomada pela Autarquia face à evolução da pandemia da Covid-19 na região.

Face à manifestação, a Autarquia frisou que a saúde pública e a contenção da propagação do surto devem prevalecer. “A maioria dos feirantes que participam nas feiras semanais de Vizela são feirantes que, do mesmo modo, fazem outras feiras em concelhos limítrofes, o que, atendendo à escalada dos números de infetados nesses concelhos, propicia exponencialmente a propagação do surto”, explicou a Câmara Municipal de Vizela.

“As feiras semanais de Vizela, para além da população do concelho de Vizela, são, também, bastante frequentadas por pessoas de concelhos limítrofes, o que, pelas razões expostas no ponto anterior, propicia exponencialmente a propagação do surto. Neste momento verifica-se que três concelhos próximos de Vizela, nomeadamente Paços de Ferreira, Felgueiras e Lousada, já se encontram com a realização das respetivas feiras suspensas, o que faz com que as respetivas populações se desloquem às feiras dos concelhos limítrofes, entre os quais se inclui Vizela, para aí suprirem as suas necessidades”, realçou a Autarquia.

O Município diz compreender as dificuldades dos feirantes e que ponderou as questões envolvidas, tendo concluído que, no momento da pandemia que se atravessa, com indicadores que colocam Vizela como um dos concelhos mais afetados do país, devem prevalecer as questões de saúde pública e de contenção do surto face ao agravamento verificado ao longo dos últimos dias.

Apoie o jornalismo.

A Braga TV é um canal de informação independente. Todas as notícias e conteúdos são e continuarão a ser disponibilizados gratuitamente.

Para continuar a oferecer um serviço de informação de referência na região, precisamos do apoio dos nossos leitores para continuar a desempenhar o nosso papel de informar.

Precisamos do seu contributo, caro leitor.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS