Famalicão lança nova frente de obras de saneamento
Quinta-feira , Outubro 22 2020 Periodicidade Diária nº 2612
Principal / Região / Famalicão / Famalicão lança nova frente de obras de saneamento

Famalicão lança nova frente de obras de saneamento

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão fechou hoje o pacote de investimento de quase três milhões de euros, apresentado em julho, para a ampliação da rede de saneamento básico, com a abertura do concurso público para a última frente de obras nas freguesias de Castelões, Mogege, Vermoim, Requião e Landim e ainda nas Uniões de Freguesia de Esmeriz e Cabeçudos, de Carreira e Bente e de Ruivães e Novais.

As empreitadas, lançadas na reunião de Executivo desta quinta-feira, incidem sobre o Vale do Pelhe. A intervenção prevista para as freguesias de Castelões, Mogege, Vermoim e Requião e Esmeriz e Cabeçudos abrange uma extensão de 6,8 quilómetros e a construção de 266 ramais domiciliários, implicando um investimento municipal na ordem dos 470 mil euros.

Já a empreitada lançada hoje para a freguesia de Landim e para as Uniões de Carreira e Bente e de Ruivães e Novais abrange uma extensão de 5,7 quilómetros e a construção de 196 ramais domiciliário, num investimento municipal na ordem dos 400 mil euros.

Nas últimas reuniões do Executivo Municipal já tinham sido lançadas as obras no Vale do Pelhe, na União de Freguesias de Vale São Cosme, Telhado e Portela, numa extensão de 7,2 quilómetros e com a construção de 115 ramais domiciliários, num investimento de cerca de 524 mil euros. Foi também lançada a obra no vale do Rio Este, nas Uniões de Freguesias de Mouquim, Lemenhe e Jesufrei e de Gondifelos, Cavalões e Outiz e na freguesia do Louro, numa extensão de 8 quilómetros, com a construção de 240 ramais domiciliários, num investimento de cerca de 576 mil euros.

As primeiras intervenções, anunciadas no âmbito deste novo ciclo de investimento, abrangeram as freguesias de Fradelos e Vilarinho das Cambas, numa extensão de 5,3 quilómetros e a construção de 185 ramais domiciliários, num investimento de mais de 350 mil euros, e a União das Freguesias de Arnoso Santa Maria e Arnoso Santa Eulália e a freguesia de Nine, numa extensão de 7,1 quilómetros e a construção de 224 ramais domiciliários, num investimento de cerca de 500 mil euros.

Recorde-se que, no total, esta nova frente de obra vai servir quase quatro mil habitantes ao longo de cerca de 42 quilómetros de rede. Com esta intervenção, a cobertura da rede de saneamento no concelho irá passar de 83,4% para 88,7%.