Quarta-feira, Setembro 22, 2021
22.4 C
Braga
InícioPaísCovid-19: Maior número de mortes nas pessoas mais velhas foi em pessoas...

Covid-19: Maior número de mortes nas pessoas mais velhas foi em pessoas não vacinadas

DR

O maior número de mortes por Covid-19 nas pessoas mais velhas foi em pessoas não vacinadas. A informação foi avançada durante a reunião do Infarmed, onde peritos e responsáveis políticos voltam a reunir-se para analisar a situação epidemiológica em Portugal.

5% das pessoas internadas por Covid-19 em unidades de cuidados intensivos tinham a vacinação completa, disse André Peralta Santos, da Direção-Geral da Saúde, enquanto que 2% dos internamentos em enfermaria tinham o esquema vacinal completo.

Desde o início de julho, nos hospitais do país, tem havido uma “tendência crescente” nos internamentos devido à Covid-19 e nos cuidados intensivos há uma ocupação de cerca de 78% do valor de referência de 255 camas.

De acordo com André Peralta Santos, há um padrão de crescimento em todas as faixas etárias e a “maior ocupação em enfermaria” é dos 20 aos 79 anos, enquanto em cuidados intensivos é dos 40 aos 59 anos.

A incidência da doença é maior nos adultos jovens, mas há também um aumento nas populações mais vulneráveis, que é “atenuada pela vacinação”.

No entanto, a  taxa de mortalidade tem “tendência crescente”, mas “atenuada pelo esforço de vacinação”. O especialista da Direção-Geral da Saúde reforçou que a “vacinação completa reduz muito o risco de morte se a pessoa se vier a infetar”.

Neste momento registam-se 10 mortes por um milhão de habitantes, sendo mais elevada em Lisboa e Vale do Tejo e no Algarve.

Ana Paula Rodrigues, do Instituto Dr. Ricardo Jorge, afirmou que o risco de morte nas pessoas mais velhas “justifica medidas específicas neste grupo” e que o “maior número de mortes nas pessoas mais velhas foi em pessoas não vacinadas”.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS