Sábado, Março 25, 2023
7.6 C
Braga
InícioBragaBraga: Ricardo Silva pretende "mais atuação" da Comissão Social da Freguesia

Braga: Ricardo Silva pretende “mais atuação” da Comissão Social da Freguesia

© Ricardo Silva

Ricardo Silva, candidato independente à Junta de São Victor, em Braga, esteve reunido com o presidente do Centro de Cultura e Desporto dos Trabalhadores da Segurança Social e Saúde do Distrito de Braga (CCD Braga), para “reiterar o compromisso de que ambas as instituições irão continuar a cooperar de forma ainda mais estreita”.

A comitiva, composta por Ricardo Silva, Mário Meireles, Jorge Sá e Vítor Teixeira, foi recebida pelo presidente do CCD Braga, Sérgio Balão, e por Constantino Martins, vice-presidente, que abordaram a missão, visão e valores do CCD Braga, inserindo a instituição numa estratégia de apoio social e de proximidade.

“Ao longo da conversa foi possível conhecer as várias áreas de atuação do CCD, destacando o Serviço de Apoio Domiciliário, o Banco de Ajudas Ortopédicas, o serviço de refeições escolares e o serviço de restaurante, bem como os projetos de futuro”, informou Ricardo Silva.

O projeto de requalificação do edifício das Colónias de Férias, situado na Vila da Apúlia, foi outros dos temas que “mereceu maior atenção, pois é neste local que a Junta de Freguesia de São Victor tem realizado as atividades de férias balneares para as crianças e jovens, mas é também aqui que se celebra o Dia Internacional da Pessoa Idosa, onde habitualmente se reuniam mais de 150 seniores”.

Este projeto de requalificação “será submetido ao PRR, permitindo incrementar mais-valias ao nível das respostas de apoio às pessoas com deficiência, através de Lar residencial ou apartamentos para automatização”.

Para Ricardo Silva, este projeto de requalificação vai dotar o CCD de uma estrutura que “dará resposta a um setor que tem sido marginalizado, como o do apoio à pessoa portadora de deficiência. Com as unidades de resposta quer serão criadas, a Junta de Freguesia de São Victor poderá, não só aumentar a capacidade de oferta nas atividades destinadas aos jovens e aos seniores, mas poderá, mediante protocolo, gozar novas iniciativas destinadas à população com deficiência”.

Além disso, o facto de o CCD poder aumentar a resposta ao nível do Serviço de Apoio Domiciliário “também ajudará a complementar as respostas de pessoas sem retaguarda familiar, infelizmente um número crescente na freguesia”.

Segundo o candidato independente, “no futuro próximo, e como consequência da Covid-19, é preciso reunir todas as entidades que prestam SAD, para podermos traçar a radiografia social à freguesia de São Victor, percebendo se podemos incrementar novas metodologias de apoio à população”.

Para Ricardo Silva, “importa dinamizar a verdadeira rede colaborativa, para mapearmos a freguesia e levarmos respostas aos casos mais isolados. Torna-se urgente que a Comissão Social da Freguesia tenha poderes reforçados para implementar uma estratégia social que vá ao encontro das reais necessidades dos cidadãos em situação de vulnerabilidade”.

MAIS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES