Quinta-feira, Maio 26, 2022
18.6 C
Braga
InícioReportagemBraga: Majestosa Procissão do Senhor dos Passos regressou às ruas de Figueiredo

Braga: Majestosa Procissão do Senhor dos Passos regressou às ruas de Figueiredo

© Angélica Antunes

A majestosa Procissão do Senhor dos Passos de Figueiredo, em Braga, regressou às ruas da freguesia, depois de dois anos suspensa por causa da pandemia. Celebrada no quarto domingo da Quaresma, a procissão, que evoca a paixão e morte de Jesus Cristo, é um impulso para a renovação da fé dos figueirenses.

As ruas de Figueiredo foram ricamente ornamentadas para as celebrações religiosas, num trabalho que demonstra a fé e a dedicação da comunidade para com o Senhor dos Passos.

© Angélica Antunes

“São dois anos de muita ânsia, de muita espera e o grupo paroquial já estava preparado porque há dois anos teve que interromper este evento que, de certa forma, estava já preparado. Sentíamos que necessitávamos disto até para dar um novo fôlego a todos os eventos que daqui para a frente surgirão, inclusive, a Semana Santa de Braga”, afirmou Marco Oliveira, presidente da Junta de Freguesia de Figueiredo.

O autarca destacou o empenho da comunidade da freguesia que se uniu para engrandecer a realização da Procissão do Senhor dos Passos. “A freguesia tem outras dinâmicas que não são só os eventos religiosos, mas a Procissão do Senhor dos Passos é o arranque das muitas iniciativas. É evidente que tem um grande peso e um grande relevo para a nossa freguesia, tendo criado um espírito de entreajuda de voluntários que se uniram em prol deste evento religioso”, realçou.

© Angélica Antunes

Com o regresso à normalidade, Marco Oliveira sublinhou que “Figueiredo precisa de eventos, mas também as pessoas de outras freguesias o precisam, pois precisamos de voltar ao normal e este é um bom passo para que isso seja possível”.

Carla Sepúlveda, vereadora da Câmara Municipal de Braga, marcou presença na Procissão do Senhor dos Passos de Figueiredo, onde falou da importância do retomar das procissões religiosas no concelho. “Estas iniciativas são efetivamente mais que importantes para que as pessoas possam conviver umas com as outras. Eu sou um exemplo disso mesmo, uma vez que vivo aqui numa freguesia ao lado, em Penso Santo Estêvão, e, portanto, esta vizinhança é muito importante para nós, uma vez que a nossa freguesia também não tem esta procissão e participar nela é muito importante”, sustentou.

© Sandra Antunes

A vereadora reforçou que a Semana Santa de Braga “representa muito para o Município”, uma vez que “temos uma tradição muito forte, quer na religião, quer nesta vivência da Semana Santa e, portanto, para nós, é com grande agrado e com grande alegria que voltamos agora à rua, desta vez aqui na freguesia de Figueiredo, para viver esta quadra com o cariz que ela merece”.

Ezequiel Rodrigues, presidente da Confraria do Senhor dos Passos de Figueiredo, notabilizou a contribuição da população para que a realização da procissão fosse possível. “As pessoas sempre contribuíram e não foi fácil devido à pandemia, que afastou um bocado a população da Igreja, mas com o apelo, todos juntos conseguimos com que a procissão fosse feita”, disse.

© Sandra Antunes

A Procissão do Senhor dos Passos de Figueiredo saiu da Igreja Paroquial com duas centenas de figurantes que retrataram os diferentes episódios bíblicos. O momento alto e mais comovente desta solenidade foi o sermão do encontro de Jesus Cristo com a sua Mãe e o canto de Verónica.

O sermão foi presidido pelo Padre José António Arantes Andrade. As cerimónias foram acompanhadas pelos Escuteiros de Figueiredo e pela Banda Musical de Vila Verde.

A reportagem teve o apoio à produção da Junta de Freguesia de Figueiredo

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS