Terça-feira, Janeiro 18, 2022
7.7 C
Braga
InícioBragaBraga investe 2,9 milhões de euros para requalificar Escola Básica de Nogueira

Braga investe 2,9 milhões de euros para requalificar Escola Básica de Nogueira

© CM Braga

A Câmara Municipal de Braga vai requalificar e ampliar a Escola Básica de Nogueira, numa intervenção de cerca de 2,9 milhões de euros. A adjudicação da obra será analisada esta quarta-feira, em sede de Reunião de Câmara.

A autarquia explica que a intervenção prevê “a remodelação do edifício existente, bem como a sua ampliação com a utilização do terreno onde atualmente se encontra o polidesportivo de Nogueira, área que passará a pertencer à escola. A obra vai conferir melhores e maiores condições de segurança, funcionalidade, conforto térmico e acústico e de luminosidade”.

“Para além da melhoria das condições técnicas do edifício existente, a intervenção prevê a ampliação de forma a albergar novas valências, nomeadamente 12 salas de aula, salas de AEC’s, salas de prolongamento de horário, um refeitório com copa de apoio, sala polivalente, um recinto de jogos, com recreio coberto, Instalações sanitárias e arrumos, entre outros”, acrescenta.

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal, recorda que “a requalificação dos edifícios escolares do concelho tem sido uma prioridade nos últimos anos, a que acresce o investimento realizado na remoção de fibrocimento nos equipamentos”.

“O Município tem apostado fortemente na qualificação dos equipamentos escolares com intervenções de fundo nas escolas básicas, nomeadamente em São Lázaro, Merelim S. Pedro, Gualtar ou Esporões. Para além da intervenção na Escola Básica de Nogueira, de Figueiredo e Este S. Pedro, estão ainda previstas intervenções nas escolas da Quinta da Veiga, Bairro Económico e Ponte Pedrinha”, adianta o autarca.

Autarquia adjudica reabilitação do Centro Cultural Dr. Francisco Sanches

Na próxima reunião, o Executivo Municipal aprecia ainda a adjudicação da empreitada de reabilitação do Centro Cultural Dr. Francisco Sanches.

“Com um preço-base de 1,7 milhões de euros, o projeto vai transformar a antiga escola Francisco Sanches num equipamento de referência, alinhado com a estratégia cultural da Cidade para 2030 e com a candidatura de Braga a Capital Europeia da Cultural em 2027. O projeto propõe a reabilitação geral de todo o edifício, dotando as suas divisões com conforto e renovação necessárias para albergar as funções culturais no âmbito das atividades das artes visuais e performativas. O objetivo passa por maximizar o enorme potencial do edifício, que conta com uma área global de 6.415m2, e aproveitar a sua centralidade. Recorde-se que o edifício da antiga escola Francisco Sanches fica situado no coração da Freguesia de S. Victor, estabelecendo a ligação entre o Centro Histórico e a Universidade do Minho”, sustenta ainda.

Após a reabilitação, o edifício irá receber o Arquivo Municipal, incluindo o arquivo histórico, serão criadas salas de consulta e uma biblioteca, uma zona de tratamento e higienização de documentos.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS