Domingo, Julho 21, 2024
21.6 C
Braga
AtualidadePolíticaBloco de Esquerda reúne-se com Sindicato dos Funcionários Judiciais

Bloco de Esquerda reúne-se com Sindicato dos Funcionários Judiciais

Europeias.

© Bloco de Esquerda

José Manuel Pureza, candidato do Bloco de Esquerda às eleições europeias, reuniu-se em Braga com o Sindicato dos Funcionários Judiciais.

“O Bloco acompanhou desde sempre a luta destes profissionais. Continuará a fazê-lo. Porque se exige justiça para quem nela trabalha”, referiu José Manuel Pureza.

O Sindicato dos Funcionários Judiciais reivindica a inclusão no vencimento do suplemento de recuperação processual, com efeitos a 1 de janeiro de 2021, e exige a abertura de procedimento para acesso a todas as categorias cujos lugares se encontrem vagos, bem como a abertura “urgente” de novos concursos para integração de oficiais de justiça sob pena de colapso do sistema. O sindicato salientou que “o quadro legal de oficiais de justiça é de 535 mas neste momento estão por preencher 85 lugares”. 

“A luta dos funcionários judiciais fez o Governo começar a ceder em matéria salarial. Fica a faltar tudo o resto que é essencial: contratação urgente dos quadros em falta, promoções na carreira, mas sobretudo negociação do estatuto profissional. O Bloco acompanhou desde sempre a luta destes profissionais. Continuará a fazê-lo. Porque se exige justiça para quem nela trabalha” referiu o candidato José Manuel Pureza.

O Sindicato dos Funcionários Judiciais destacou também “a necessidade premente de intervenção em diversos tribunais do distrito de Braga”.

“Em Barcelos, há problemas com os esgotos e com a vandalização das portas do arquivo. Em Braga, o Tribunal de Trabalho funciona num edifício não acessível para pessoas com deficiência e o arrendamento termina em 2028. Em Esposende, são necessárias obras no telhado. Os tribunais de Fafe e Vila Verde carecem de obras profundas de conservação. Em Creixomil, Guimarães, o edifício é desadequado para o funcionamento de um tribunal”, refere o Bloco de Esquerda.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES