Sábado, Dezembro 3, 2022
5.1 C
Braga
InícioRegiãoVizelaVizela e Villamaria assinaram protocolo de geminação

Vizela e Villamaria assinaram protocolo de geminação

© CM Vizela

Victor Hugo Salgado, presidente da Câmara Municipal de Vizela, acompanhado pelo restante executivo, assinou com o presidente do Município de Villamaria, Andrés Felipe Aristizabal Parra, o Protocolo de Geminação entre o Município de Vizela e o município de Villamaria, na Colômbia.

O Município de Villamaría, situado na região de Caldas na Colômbia, é uma cidade termal com uma população total de aproximadamente 70.000 habitantes, com numerosas fontes de água e recursos naturais, abriga o Nevado del Ruiz, parte do Parque Natural dos Nevados e está localizada a poucos quilômetros da cidade de Manizales, sendo circundada pelo rio Chinchiná.

Assim, e de acordo com o Protocolo de Geminação, o Município de Vizela e o Município de Villamaria partilham a decisão unanime de manter relações de amizade e união para fomentar o progresso, desenvolvimento e bem-estar de ambos os municípios, unidos em desejos mútuos de convivência.

Este protocolo estabelece como prioridades, entre outras, a organização de encontros sociais, que beneficiem a formação integral de ambos os municípios quer a nível juvenil, cultural, artístico e desportivo, desenvolver métodos que permitam unir esforços na execução de projetos comuns em diversas áreas – cultural, social, educacional, empresarial, comercial e turístico – envolvendo e estimulando a participação das várias associações existentes nos dois municípios, e a potenciação da cultura e gastronomia local, explorando o potencial de desenvolvimento económico que a cultura e a gastronomia têm, assim como o seu evidente vínculo à atividade turística.

Uma vez que ambos os Municípios compartilham uma história comum, baseada na existência de águas termais nos dois territórios, é vontade das partes desenvolver os seus recursos termais para conseguir maior benefício socioeconómico, apostando na promoção e desenvolvimento do turismo, aproveitando principalmente o potencial dos seus recursos termais, juntamente ao património natural, cultural e histórico de ambos os municípios, através da criação e promoção dos referidos recursos termais, rotas turísticas conjuntas, etc. entre outros instrumentos de cooperação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS