Quinta-feira, Maio 26, 2022
15.7 C
Braga
InícioPaísSpin-off da Universidade do Minho cria plataforma para a Secretaria-Geral da Educação...

Spin-off da Universidade do Minho cria plataforma para a Secretaria-Geral da Educação e Ciência

© Keep Solutions

A Keep Solutions, spin-off tecnológica da Universidade do Minho, desenvolveu uma plataforma para a Secretaria-Geral da Educação e Ciência (SGEC) que desmaterializa a gestão arquivística e o apoio técnico a instituições públicas nestas áreas. A nova [email protected] está em logon.sec-geral.mec.pt e insere-se nas medidas do SIMPLEX+ e de capacitação da administração pública.

“Todas as interações como um pedido de apoio técnico nas áreas bibliográficas e museológicas, de reprodução documental, de eliminação de documentação, de transferência de documentação e de propostas de processos de negócio, por exemplo, têm agora formulários e procedimentos completamente desmaterializados”, diz o diretor de Serviços de Documentação e de Arquivo da SGEC, Miguel Infante.

O projeto também facilita as instituições que pretendam interagir com a SGEC no âmbito da cedência do património histórico. A plataforma permite ainda o acesso a instrumentos de gestão basilares, como o Plano de Classificação Comum à Educação e Ciência, as Portarias de Gestão de Documentos, a Portaria Transversal à Educação e Ciência e os Relatórios de Avaliação de Documentação Acumulada para o Ensino Básico e Secundário.

Esta iniciativa enquadra-se na política de qualidade da SGEC e na política nacional de arquivos desenvolvida pela Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, com a qual se reforça a interconetividade.

Sobre a Keep Solutions

A jovem empresa académica foi criada em 2008 por um docente e ex-alunos de Informática e Ciências de Computação da UMinho, estando sediada perto do campus de Gualtar, em Braga. Desenvolve soluções avançadas para gestão e preservação de informação. Tem trabalhado com vários ministérios, universidades e privados, além de instituições internacionais como o Serviço de Publicações da UE e os Arquivos Nacionais da Suécia e da Estónia. Além disso, colaborou no desenvolvimento do Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal ou do Portal Português de Arquivos e aposta continuamente na produção de conhecimento científico, participando em projetos de I&D em estreita cooperação com entidades de vários países.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS