Presidente da Câmara de Guimarães apresenta condolências pela morte de João Cutileiro
Quinta-feira , Janeiro 28 2021 Periodicidade Diária nº 2710
Principal / Região / Guimarães / Presidente da Câmara de Guimarães apresenta condolências pela morte de João Cutileiro

Presidente da Câmara de Guimarães apresenta condolências pela morte de João Cutileiro

CM Guimarães

O escultor João Cutileiro faleceu esta terça-feira aos 83 anos, deixando um legado no mundo das artes e, em particular, na cidade de Guimarães. Foi o autor da obra de D. Afonso Henriques, inaugurada em 2001, que se encontra no Largo da Misericórdia, considerada um “símbolo da contemporaneidade” no Centro Histórico medieval.

Além de outros trabalhos e exposições na Cidade-Berço, João Cutileiro foi homenageado no ano de 2018 em Guimarães aquando da abertura da exposição das suas obras no Centro Internacional das Artes José de Guimarães, representativa da sua ampla influência na arte portuguesa dos anos 1960 a 1990 e, ainda, uma mostra de obras inéditas em cartão, incluindo maquetas de trabalhos públicos projetados e construídos em Portugal e no estrangeiro.

O presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, enaltece a importância do seu legado, a marca indelével no Centro Histórico da cidade e apresenta as sentidas condolências à família de João Cutileiro, manifestando que “a notícia da sua morte é uma perda para a cultura portuguesa e para o mundo das artes, sendo uma notícia triste também para Guimarães perante uma relação que foi construída e alicerçada ao longo dos últimos anos”.