Segunda-feira, Dezembro 6, 2021
11.2 C
Braga
InícioOcorrênciasPSP emitiu seis autos de contraordenação a adeptos do SC Braga e...

PSP emitiu seis autos de contraordenação a adeptos do SC Braga e Vitória de Guimarães

DR

A PSP de Braga emitiu seis autos de contraordenação na sequência dos incidentes registados com adeptos do SC Braga e do Vitória de Guimarães, nas horas que antecederam a partida, realizada esta terça-feira.

Na cidade de Guimarães, por volta das 19:50, junto à Rodovia de Covas, a Polícia interveio para travar uma manifestação de adeptos que apoiavam a comitiva que iniciava viagem para Braga. A PSP identificou três pessoas e procedeu ao registo de quatro autos de notícia por contraordenação, três por presença na via pública em violação às normas vigentes no âmbito do combate à pandemia e um por posse de artigo pirotécnico.

Já em Braga, pelas 20:05, na Avenida Padre Júlio Fragata, junto ao Braga Parque, a PSP teve de intervir para dispersar a ação de apoio, que contava com algumas dezenas de adeptos, que recorreram a pirotecnia e chegaram a efetuar um corte da circulação automóvel. Uma pessoa foi identificada, tendo-lhe sido levantados dois autos de notícia por contraordenação, um por presença na via pública em violação às normas vigentes no âmbito do combate à pandemia e outro por posse de artigo pirotécnico.

A Polícia sublinha que “a segurança do espetáculo desportivo foi garantida, sem que tenha ocorrido qualquer outro incidente”, lembrando que “a posse e o manuseamento de artigos pirotécnicos colocam em causa a integridade física de terceiros e do próprio utilizador, estando por isso mesmo tal conduta estatuída legalmente como contraordenação e, nalguns casos, crime. Reforça-se também a necessidade de cumprimento de todas as normas vigentes no âmbito da execução do estado de emergência e do regime jurídico”.

Teste BTV

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS