Sábado, Agosto 13, 2022
19.5 C
Braga
InícioRegiãoVila Nova de FamalicãoProjeto Andorinhas transforma em artistas mais de cem alunos do 3.º e...

Projeto Andorinhas transforma em artistas mais de cem alunos do 3.º e 4.º ano de Famalicão

© CM Famalicão

Cerca de 139 alunos do 3.º e 4.º ano do Agrupamento de Escolas de Pedome, em Famalicão, vão subir ao palco do Teatro Narciso Ferreira no próximo dia 17 de junho, no âmbito do «Andorinhas», projeto cultural de cocriação desenvolvido no ano letivo 2021/2022 no âmbito do Há Cultura | Cultura Para Todos e sob direção artística da companhia de teatro famalicense Momento – Artistas Independentes.

Repartido em dois espetáculos teatrais – o primeiro às 18h30 e o segundo às 21h30 -, que terão como protagonistas os alunos das escolas de Oliveira S. Mateus, Castelões e Riba de Ave, o trabalho performativo que será apresentado é descrito como “um conjunto de memórias registadas de crianças que se traduzem numa ingénua viagem sobre as asas de uma andorinha no seu ciclo migratório”, denotando o trabalho exploratório desenvolvido com as crianças e os professores.

O projeto tem como base a essência do teatro e tudo o que daí advém, como o trabalho e compreensão de emoções, os conceitos de liberdade e limites pessoais, o poder da imaginação e da criação, entre outros. Teve como objetivos principais o estímulo da imaginação e a criatividade das crianças e a redução das desigualdades que vão surgindo nestas idades, bem como os primeiros sinais de variações na autoestima e timidez.

Com encenação de Diogo Freitas e dramaturgia de Filipe Gouveia, «Andorinhas» “chega-nos na Primavera, passando por todas as outras estações. É um texto sobre liberdade, sobre sensações e sobre memórias – as que temos e as que ainda vamos criar”, é possível ler na sinopse.

A iniciativa, inserida no projeto Há Cultura | Cultura Para Todos, promovido pelo Município de Vila Nova de Famalicão e cofinanciado pelo Norte 2020, através do Fundo Social Europeu (FSE), resultou de um trabalho de capacitação artística desenvolvido pela Momento junto do corpo docente e da comunidade estudantil, iniciado em outubro do ano passado, que incluiu a realização de oficinas dirigidas a ambas as partes, bem como a construção do espetáculo.

A entrada nos espetáculos é gratuita, mas implica o levantamento prévio de ingresso na bilheteira do Teatro Narciso Ferreira em Riba de Ave. Para mais informações, contacte: [email protected] .

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS