Domingo, Junho 16, 2024
14.5 C
Braga
RegiãoPóvoa de LanhosoPóvoa de Lanhoso vai ser a capital do teatro amador entre 27...

Póvoa de Lanhoso vai ser a capital do teatro amador entre 27 de janeiro e 2 de março

© CM Póvoa de Lanhoso

A Póvoa de Lanhoso prepara-se para receber o XIX CONTE – Concurso Nacional de Teatro Ruy de Carvalho, que decorre entre 27 de janeiro e 2 de março.

Em vésperas de completar 20 anos, a edição de 2024 do principal concurso de teatro associativo do país foi apresentada, na manhã desta sexta-feira, no Theatro Club, que é também o palco por onde vão passar as companhias que, de todo o país, chegarão à Póvoa de Lanhoso.

“O CONTE é já uma marca forte da Póvoa de Lanhoso, da nossa história, cultura e identidade”, referiu o presidente da Câmara Municipal, Frederico Castro. Para o autarca Povoense, “estão lançados os dados para que o CONTE seja, mais uma vez, um grande sucesso”. “Espero que os povoenses e todos aqueles que estão habituados a visitar-nos nesta altura, coloquem o CONTE na agenda e reservem com tempo, pois já nos aconteceu, muitas vezes, termos a sala lotada”, sustentou.

Com a aproximação das celebrações dos 20 anos, Frederico Castro, assegurou que o evento representa um compromisso para manter e continuar.  “É bom que já estejamos a falar da XX edição, porque isso também demonstra uma intenção, por parte dos parceiros, e isso para nós é uma satisfação muito grande e é sinónimo de podemos assegurar isso mesmo à população que servimos e aos consumidores desta oferta cultural de qualidade”, acrescentou.

Para além de Frederico Castro, a apresentação também esteve a cargo do presidente da Federação Nacional de Teatro, Valdemar Mota, e do coordenador do Núcleo de Atividades Culturais do INATEL, Rui Sérgio Mateus, representando as três entidades que organizam o evento. O momento também contou com a presença da vereadora da Cultura, Fátima Moreira.

No que se refere à Póvoa de Lanhoso, terra anfitriã deste evento de abrangência nacional, o destaque vai para a participação do Grupo Cénico Povoense, a partir de um autor local, Tó de Porto D’Ave. “Os Silvas” sobem ao palco do Theatro Club no dia 16 de fevereiro, o que, para Frederico Castro, “é revelador da qualidade do trabalho produzido pelos diversos agentes locais”. Destacando que o nome de Ruy de Carvalho se encontra associado ao CONTE, o autarca também lembrou que, em 2023, “o consagrado ator recebeu as Chaves da Vila da Póvoa de Lanhoso, o que cimenta, de forma indelével, esta ligação às terras de Lanhoso e acrescenta responsabilidade aos executivos presente e futuros, já que a fasquia está muito elevada”.

A edição deste ano contará com uma exposição dedicada a Manuel Ramos Costa, a quem será também entregue, a título póstumo, o Prémio Prestígio/Personalidade. “No fundo, o Theatro Club também era um bocadinho a sua casa”, referiu Frederico Castro.

Ao longo de vários fins de semana, o Theatro Club recebe os nove espetáculos a concurso, sendo de destacar a estreia de algumas companhias no CONTE. O público pode esperar comédia, drama, drama histórico, poesia/drama, farsa e tragicomédia.

O desfile das nove peças decorre entre 27 de janeiro e 24 de fevereiro, estando a cerimónia de encerramento marcada para o dia 2 de março.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES