Quarta-feira, Abril 17, 2024
21.2 C
Braga
DesportoPedro Almeida no Rally de Portugal

Pedro Almeida no Rally de Portugal

© Pedro Almeida Racing

Pedro Almeida, piloto de Famalicão, vai estar no Rally de Portugal, prova pontuável para Mundial de Ralis mas também para o Campeonato de Portugal de Ralis (CPR), com as classificativas do dia de sexta-feira a pontuarem para a prova nacional.

“É já nisso que estamos focados e estivemos a testar na segunda-feira, afinar pormenores e procurar estar à altura do desafio que é fazer a etapa do Rally de Portugal pontuável para o CPR”, disse o piloto.

Pedro Almeida é, nesta altura, quarto classificado do CPR e vai procurar manter a regularidade, numa prova em que “partimos muito atrás, vamos encontrar os pisos muito degradados pela passagem dos pilotos prioritários e do mundial de ralis mas tentar somar pontos e terminar esta última prova da fase de terra do CPR de forma positiva, dando o nosso melhor entre os portugueses em prova”.

O Rally de Portugal começa no dia 11, quinta-feira, e termina dia 14 de maio, no domingo, embora Pedro Almeida vá apenas realizar a prova destinada ao Campeonato de Portugal de Ralis, que termina ao final do dia de sexta-feira. “Não vamos fazer todo o Rally de Portugal, como em outras edições, porque o nosso foco foi o calendário nacional e este é o ultimo rali em terra, pelo que não há a necessidade de somar mais quilómetros ou testar nestes pisos, e optamos por restringir a nossa participação ao CPR e até ao dia de sexta feira”, esclarece o piloto, que vai estar na prova acompanhado de Mário Castro e assistido pela Mapomotosport.

Pedro Almeida que já no final do Rali d’Aboboreira deu conta de que não vai estar nas provas de asfalto de Castelo Branco e da Madeira, “porque contávamos ter um carro, encetamos um processo negocial que correu mal e não avançou e agora resta-nos esperar», aproveitando para esclarecer que «essa negociação nunca foi feita diretamente com a Skoda ou por qualquer intermediário seu, como foi entendido do que dissemos no final do rali, nem sequer envolve a MapoMotosport”.

O Rally de Portugal começa na quinta-feira com o Shakedown e Qualificação em Baltar, seguido da cerimónia de partida ao final do dia em Coimbra. Na sexta-feira o piloto do CPR tem pela frente oito provas especiais de classificação, com cerca de 120 quilómetros cronometrados com as especiais em Góis, Lousão, Arganil e Mortágua e a Super-Especial na Figueira da Foz.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES