Quinta-feira, Setembro 23, 2021
17.3 C
Braga
InícioPaísJuventude Popular realizou Conselho Nacional

Juventude Popular realizou Conselho Nacional

Juventude Popular

A Juventude Popular levou até ao Porto os seus conselheiros para discussão de ideias sob o mote “Mais Poder Local”. Realizado no passado dias 15 e 16 de maio, no Rivoli – Teatro Municipal do Porto, o primeiro Conselho Nacional, depois do Congresso de março que resultou na eleição da atual Comissão Política Nacional (CPN), presidida por Francisco Camacho, contou com a presença de mais de 150 militantes da Juventude Popular.

No fim de semana dedicado à política e à preparação das eleições autárquicas, para além das habituais tarefas como aprovações de atas e orçamentos, bem como uma análise do panorama político, tanto a nível interno como externo, apresentou-se o plano de atividades para o mandato e realizou-se uma formação autárquica.

“O Conselho Nacional da Juventude Popular foi um claro sinal de força da nossa organização. Foram mais de 150 conselheiros nacionais a confirmar que as convicções das novas gerações populares estão bem vivas e focadas no Poder Local”, afirma Francisco Camacho, presidente da Juventude Popular.

“Além da unidade manifestada pela aprovação por unanimidade do plano de atividades, a apresentação da nova coordenação autárquica da Juventude Popular revela a nossa intenção imediata: atrair as novas gerações para as eleições autárquicas com um programa fixado na sustentabilidade, na justiça intergeracional e na reconstrução de oportunidades para os mais jovens se fixarem nos seus concelhos”, destaca o mesmo.

Em matéria responsabilidade e liberdade, Francisco Camacho sublinha que “o sucesso deste evento demonstra o que temos defendido:  Portugal deve reabrir, virar a página negra do confinamento e apoiar os mais jovens, a franja social que viu mais abalada o seu natural crescimento”, uma vez que “foram cumpridas todas as regras da Direção-Geral da Saúde, referentes à constante utilização de máscaras, distanciamento social e desinfeção dos espaços e das mãos”. Outros detalhes se evidenciaram no cumprimento de normas de segurança, como a medição da temperatura dos conselheiros e convidados e a emissão de credenciais via e-mail, sem contactos desnecessários. A Juventude Popular considera que existe uma “responsabilidade social vincada e que, passado um ano, os jovens sabem como comportar-se”.

No segundo dia de trabalhos, foi realizada a formação autárquica com a participação de Catarina Araújo, vereadora da Câmara Municipal do Porto, António Pinto Xavier, candidato da Juventude Popular à Câmara Municipal de Montemor-o-novo, e Margarida Campolargo arquiteta e especialista em smart cities.

O Conselho Nacional contou com a participação de Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, no jantar convívio de sábado, que deixou as suas palavras de motivação e impulso aos jovens centristas para os desafios das autárquicas.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS