Sexta-feira, Fevereiro 3, 2023
7.8 C
Braga
InícioBragaHospital de Braga participa em projeto para a reduzir de 50% de...

Hospital de Braga participa em projeto para a reduzir de 50% de quatro tipos de infeções hospitalares

© Hospital de Braga

O Hospital de Braga participa novamente no Desafio Stop Infeção Hospitalar – Stop Infeção 2.0. Esta é uma iniciativa do Programa de Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistências a Antimicrobianos da Direção-Geral da Saúde (PPCIRA/DGS), em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian (FCG) e com a orientação técnico-científica do Institute for Healthcare Improvement (IHI), cujo principal objetivo é a redução em 50% da incidência de quatro tipos de infeções hospitalares, até 2025.

A unidade hospitalar bracarense integra, assim, esta iniciativa, estando a constituir um grupo de trabalho, o qual será composto por um número alargado de profissionais de saúde de vários serviços, nomeadamente Medicina Intensiva, Medicina Interna, Ortopedia, Cirurgia Geral, Bloco Operatório.

Esta equipa irá utilizar uma metodologia baseada no modelo de melhoria contínua com o objetivo de reduzir para metade as infeções urinárias associadas a cateter vesical, as infeções relacionadas com cateter vascular central, as pneumonias associadas ao tubo endotraqueal e as infeções do local cirúrgico.

O “STOP Infeção 1.0” surgiu, em 2015, após Portugal ter sido considerado um dos países com maior incidência de infeções hospitalares, segundo o relatório “Um Futuro para a Saúde” (Fundação Calouste Gulbenkian), e obteve resultados notáveis em 3 anos, como a redução de mais de 50% da incidência nas quatro tipologias de infeções hospitalares, nas Instituições participantes, incluindo o Hospital de Braga.

Aproveitando o conhecimento e a experiência resultantes de ter integrado a anterior edição, o Hospital de Braga irá tentar maximizar e expandir os resultados positivos alcançados para, em conjunto com as restantes 21 Instituições, atingir este ambicioso objetivo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS