Sábado, Abril 20, 2024
16.1 C
Braga
BragaHospital de Braga implementa Laboratório de Sono

Hospital de Braga implementa Laboratório de Sono

© Hospital de Braga

O Serviço de Pneumologia do Hospital de Braga implementou o Laboratório de Sono, em parceria com o Centro Clínico Académico-Braga (2CA-Braga).

A medida visa “ampliar a oferta de valências nesta unidade de saúde e evitar a transferência de utentes para outras instituições”.

O Hospital de Braga já realizava exames de polissonografia de nível 2 e 3, ambos em ambulatório, a que se somam, agora, os exames de nível 1 realizados no Laboratório.

“A possibilidade de realizar estudos no Laboratório de Sono do Hospital de Braga, não só evita a deslocação de utentes para unidades distantes da área de residência, como favorece um atendimento aprimorado – através de melhores recursos físicos e técnicos – e beneficia os avanços na Medicina do Sono, devido ao facto dos exames serem realizados em colaboração com equipas de investigação clínica”, explica Lurdes Ferreira, diretora do Serviço de Pneumologia do Hospital de Braga.

No Laboratório do Sono do Hospital de Braga são realizados exames Polissonográficos de sono noturno, de nível 1 (PSG1), em que, num quarto equipado para o efeito, é monitorizado e efetuado o registo das variáveis fisiológicas do utente. “O exame é indolor, não invasivo, tendo como finalidade avaliar a estrutura do sono através de vários sensores que registam parâmetros neurológicos, respiratórios, cardíacos e movimentos dos membros”, explica Ana Luísa Vieira, médica especialista em Pneumologia e responsável pelo Laboratório de Sono.

Além dos exames polissonográficos em contexto de laboratório, o novo serviço do Hospital de Braga está preparado para realizar exames de aferição de ventilação não invasiva, assim como Testes de Latências Múltiplas ao Sono, Actigrafia e Testes de Manutenção de Vigília. De acordo com a especialista em Pneumologia com competência em Medicina de Sono, estes estudos permitem “fazer um diagnóstico diferencial das diversas patologias deste foro, como distúrbios respiratórios do sono (apneia do sono, por exemplo), narcolepsia, distúrbios do ritmo circadiano, parassónias, distúrbios do movimento relacionado com o sono, entre outros”.

Lurdes Ferreira, Diretora do Serviço de Pneumologia do Hospital de Braga, salienta a circunstância “das novas instalações, com quartos espaçosos e equipamentos avançados, contribuírem para uma melhor precisão dos diagnósticos e um maior conforto dos utentes”, destacando ainda “as enormes vantagens geradas pelas sinergias científicas com o 2CA-Braga que permitem a prestação de um serviço de excelência à população”, conclui.

João Porfírio Oliveira, presidente do Conselho de Administração do Hospital de Braga, salienta que a criação do Laboratório de Sono se enquadra na “estratégia de permanente aposta na prestação de cuidados de saúde de excelência, através de uma prática caraterizada pela qualidade, competência, rigor, eficiência e diferenciação”. 

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES