Habitantes da Praça do Bocage em Braga protestam contra redução de estacionamento
Terça-feira , Novembro 24 2020 Periodicidade Diária nº 2645
Principal / Braga / Habitantes da Praça do Bocage em Braga protestam contra redução de estacionamento

Habitantes da Praça do Bocage em Braga protestam contra redução de estacionamento

A inauguração do maior campo de basquetebol de rua da Europa, que decorreu esta quinta-feira, no Bairro Social das Enguardas, foi marcada por protestos dos moradores da Praça do Bocage.

Descontentes com as obras na Praça do Bocage, os moradores aproveitaram a presença do Executivo Municipal de Braga para demonstrarem o seu descontentamento através de várias faixas viradas para o campo de basquetebol. Os habitantes contestaram com a retirada dos lugares de estacionamento naquela zona habitacional.

Em várias faixas pode ler-se “Bem-vindos à vergonha zona 30 – Praça do Bocage”, “É está a obra que tanto se orgulham? Tenham vergonha”, “Zona 30 – menos 30% de estacionamento, menos 30% de qualidade de vida, mais 30% de stress”, “Estamos fartos das multas. Parar com a ignorância da Polícia. Queremos trabalhar”.  Estas são algumas das mensagens que foram transmitidas ao Executivo bracarense, que foi vaiado no local.

Foto: Fernando Araújo

Fernando Araújo, morador da Praça do Bocage, marcou presença na inauguração para protestar. “O Executivo Municipal foi vaiado à chegada, onde os confrontámos, pelo que a inauguração não lhes correu muito bem. Estávamos à espera do vereador Miguel Bandeira que não apareceu, pois ele disse para andarmos a pé e estacionarmos os carros entre a 10 a 15 minutos de casa”, lamentou o habitante.

De acordo com alguns dos protestantes, além de os lugares de estacionamento terem sido retirados naquela zona, vários habitantes e comerciantes manifestaram-se contra as multas de estacionamento que lhes têm sido atribuídas.