Quinta-feira, Maio 6, 2021
10 C
Braga
InícioRegiãoGuimarãesGuimarães distribui 75 mil sacos de pano no Mercado Municipal para diminuir...

Guimarães distribui 75 mil sacos de pano no Mercado Municipal para diminuir uso de plástico

CM Guimarães

Produzidos a partir de amido e óleos vegetais, 75 mil sacos compostáveis começaram a ser distribuídos esta sexta-feira pelos comerciantes do Mercado Municipal de Guimarães. A campanha “Mercado sem Plástico” foi desenvolvida pelo Município e Laboratório da Paisagem.

Para além da redução de plástico, os munícipes são desafiados a reutilizar os sacos em suas casas visando a colocação do lixo orgânico e doméstico, numa perspetiva de economia circular.

“Este é um compromisso que Guimarães mantém firme na vertente da sustentabilidade ambiental, apresentando iniciativas em concreto e que visam contribuir para a redução do plástico além de um apoio aos comerciantes do mercado”, salientou Domingos Bragança, presidente da Câmara Municipal.

Estes sacos têm uma duração de cerca de 12 meses e o objetivo da campanha é acabar com o uso de plástico num local onde há um enorme uso/consumo. Com o mesmo objetivo continuaram a ser distribuídos milhares de saco de pano no Mercado Municipal, na ação iniciada em 2020 para que os clientes do Mercado continuem o hábito da reutilização dos sacos das compras, e ao mesmo tempo promovem a compra no nosso mercado.

A ação insere-se ainda na estratégia de Guimarães e da Estrutura de Missão 2030 para o desenvolvimento sustentável e do plano de ação elaborado com vista à diminuição do uso de plásticos, decorrente do compromisso assumido pelo Município de Guimarães na redução da utilização de plástico de uso único.

Apoie o jornalismo.

A Braga TV é um canal de informação independente. Todas as notícias e conteúdos são e continuarão a ser disponibilizados gratuitamente.

Para continuar a oferecer um serviço de informação de referência na região, precisamos do apoio dos nossos leitores para continuar a desempenhar o nosso papel de informar.

Precisamos do seu contributo, caro leitor.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS