Sexta-feira, Agosto 12, 2022
18.8 C
Braga
InícioRegiãoVila Nova de FamalicãoFamalicão torna-se “cidade-irmã” da cidade ucraniana Zhytomyr

Famalicão torna-se “cidade-irmã” da cidade ucraniana Zhytomyr

DR

Famalicão e Zhytomyr vão tornar-se “cidades-irmãs”. O protocolo de cooperação foi aprovado, hoje, em reunião de câmara, e será celebrado à distância no âmbito das comemorações do Dia da Cidade de Vila Nova de Famalicão, pelos presidentes da Câmara de Famalicão e de Zhytomyr, Mário Passos e Serhiy Sukhomlyn, respetivamente.

A partilha de informação, de ideias e de programas que contribuam para o desenvolvimento sustentável e harmonioso de ambas as cidades, bem como a entreajuda para o desenvolvimento económico e a solidariedade entre os povos, são alguns dos propósitos do protocolo.

“É um acordo revestido de um forte simbolismo e por isso o quisemos enquadrar nas comemorações do Dia da Cidade. Reflete a abertura de Famalicão ao mundo, no sentido de dar e receber conhecimento e experiências, e também a dimensão solidária da sua comunidade, colocando-nos ao lado de uma comunidade que vive dias dramáticas que não podemos ignorar”, refere a propósito Mário Passos.

Esta cooperação internacional surge na sequência da disponibilidade manifestada pelo Município de Famalicão à Embaixada da Ucrânia em Portugal, em estreitar laços de amizade e cooperação com uma cidade ucraniana como forma construtiva de solidariedade.

A cidade de Zhytomyr fica a 135  Km da capital, Kiev, um importante centro industrial e entreposto, onde se cruzam as mais importantes vias rodoviárias e ferroviárias que seguem para oeste, encontrando-se na rota de ligação da capital ucraniana com Varsóvia (Polónia) e Minsk (Bielorrússia).

Tal como Famalicão, Zhytomyr tem vindo a constituir-se como uma Smart City, sendo a sustentabilidade um dos seus maiores desígnios. Com cerca de 264 mil habitantes, a sua economia é assente no setor dos serviços e na indústria, onde se sobressai a indústria alimentar, engenharia mecânica, metalomecânica, farmacêutica, calçado, têxtil, mobiliário e a construção de instrumentos musicais, designadamente o acordeão.

Uma das primeiras ações do protocolo será a replicação, em Famalicão, de um evento desportivo de cariz solidário, organizado por Zhytomyr, em prol das crianças e jovens ucranianos vítimas das atrocidades da guerra, que terá lugar no dia 13 de agosto, data de arranque do novo ano escolar na Ucrânia. Nesse dia, Famalicão vai realizar uma caminhada solidária com o mesmo objetivo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS