Quinta-feira, Fevereiro 29, 2024
9.5 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende: Restaurante Buraco vence concurso gastronómico Sabores do Mar 2023

Esposende: Restaurante Buraco vence concurso gastronómico Sabores do Mar 2023

© CM Esposende

O prato “Massada de Ovas de Robalo Suado”, do restaurante “Buraco”, foi o grande vencedor do concurso gastronómico de Esposende, integrado na 24.ª edição do evento “Março com Sabores do Mar”. A grande adesão que este evento registou levou o Município de Esposende a alargar o seu período de influência: em fevereiro, através da campanha “Lampreia & Companhia” e em abril com “Esposende, o robalo está aqui”.

Conquistaram o segundo lugar, em ex aequo, os restaurantes “Água-pé”, de Esposende, com “Salmonetes Filetados com Pérolas de Alho Preto”, e “Barzin”, com “Arroz do Mar, Robalo”. O restaurante “Camelo” conquistou o terceiro lugar com o prato “Arroz de Debulho de Sável” que acrescentou à menção honrosa da Inovação.

O júri foi, mais uma vez, presidido por enófilo José Silva, contando ainda com os Chefes Álvaro Costa e António Alexandre, e os jornalistas António Catarino e Francisco Gil que justificam as distinções pela qualidade da confecção do prato, excelência dos géneros, apresentação e palato.

O restaurante “Buraco” conquistou, ainda, a menção honrosa alusiva ao Acompanhamento (vinho) e, no que respeita à menção honrosa que distingue a qualidade do serviço, o júri premiou o restaurante “Am Kreisel”, enquanto a menção honrosa do Ambiente atendeu à arrumação do espaço de refeições, iluminação e decoração do restaurante “Porta D´Ofir”.

O restaurante “Varandas do Cávado – Hotel Suave Mar” foi distinguido com a menção honrosa referente à Higiene das salas de refeições e WC. O Júri premiou o restaurante “Rita Fangueira” com a menção honrosa Preço Qualidade, tendo como referência o prato “Sável de Escabeche com Açorda Tostada”.

A menção honrosa de Melhor Piza foi atribuída à “Buon Appe – Pizzeria”, reconhecendo a qualidade da sua “Pizza La Nostra Costa”.

O júri decidiu conceder o Prémio Revelação “Cozinheiro Profissional dos Sabores do Mar”, a Joaquim Lapeiro do restaurante “Am Kreisel”, pela sua dedicação e profissionalismo.

O júri concedeu, ainda, um Prémio de Sustentabilidade à Mesa ao restaurante “Dona Quina”, pela utilização de produtos endógenos de acordo com os compromissos KM0 e economia circular, apoiando assim os produtores locais e a defesa da origem dos ingredientes utilizados na confeção do prato.

O júri decidiu, ainda, atribuir o Diploma de Mérito e Qualidade ao Barzin, pela inovação e conceito de futuro desta unidade.

Os jurados Rogério Ferreira, João Novo, Maria Loureiro, Eusébio Lima e Luís Rocha decidiram premiar João Barbosa no lugar mais alto da classificação, seguido de Juliana Silva e Tomás Frasco. Concorreram ainda Ana Santos, Lara Ferreira e Marco Pinheiro.

A 24.ª edição de “Março com Sabores do Mar compreendeu várias iniciativas, entre as quais se destaca, como novidades, a realização de ações de capacitação no âmbito do programa Formação + Próxima – “Digitalização na Restauração: qualidade de serviço”; “Design de Interiores na restauração: imagem de marca; e “Desperdício Alimentar: gestão de excedentes”, a colaboração de forma mais direta na programação, do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, através do curso de “Inovação Alimentar e Artes Culinárias”, a promoção de novas iniciativas como o “Quebrar o Gelo”, “Snack-Mar” e “Receitas a Olho” com a colaboração da esposendense “VóVó Zuzu” ou o lançamento do roteiro de restaurantes “Esposende à Mesa”. Tiveram continuidade os Monólogos da Cozinha, o Street Fish Food, o Sem Diferenças, o Salvar o Planeta à Mesa e as novidades do Receitas a Olho, o Snack Mar, o Quebrar o Gelo.

Sublinhando que o “Março com Sabores do Mar” é um evento que se assume como uma marca identitária do Município de Esposende, o presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira afirmou que este evento gastronómico “cumpriu, na plenitude, os objetivos propostos e traduz a importância que representa para o concelho de Esposende, na promoção da alimentação atlântica, concretamente dos pratos de peixe e mariscos, associando também a doçaria e a panificação locais e outros produtos do Programa de Incentivo à Produção e Consumo de Produtos Endógenos”. A estes objetivos acrescentou a “ecelente adesão dos empresários da restauração. Este ano registamos a participação de 46 restaurantes, 14 dos quais também participaram na 19.ª edição do concurso gastronómico”. A todos agradeceu a participação, bem como aos parceiros e patrocinadores do evento, à Escola Profissional de Esposende e a todos quantos contribuíram para mais uma edição de sucesso.

“Reconhecendo a importância que Março com Sabores do Mar tem para Esposende, alargamos o período de influência do evento, abarcando fevereiro, através da campanha “Lampreia & Companhia” e terminando em abril com “Esposende, o robalo está aqui”, porque a atratividade turística de Esposende assenta na qualidade da oferta gastronómica da nossa restauração”, acrescentou Benjamim Pereira.

O autarca lembrou que “o Município de Esposende continua a proporcionar as melhores condições para que todos os munícipes possam projetar o seu saber e os seus negócios”. Por isso defendeu que as obras físicas que avançam por todo o concelho “visam responder às exigências de uma sociedade que evolui e que a Câmara Municipal tem de estar na dianteira dessa evolução”.

“Os projetos ambiciosos que temos em curso são fundamentais para esse salto qualitativo em todas as áreas. Do ensino (que agora contempla o superior) ao Desporto, do tecido empresarial à área social. Esposende é um caso sério de atratividade e, claro está, a gastronomia contribui muito para a afirmação do território”, concluiu Benjamim Pereira.

Cristina Mendes, em representação da Entidade Regional Turismo do Porto e Norte de Portugal, felicitou o Município de Esposende pela “estratégia bem definida e assertiva que capta o visitante e cria memórias felizes”, destacando o “empenho de todos os que contribuem para a qualidade gastronómica que Esposende disponibiliza”.

O presidente do júri, José Silva enalteceu “a força da restauração de Esposende e a evolução, de ano para ano, de um evento gastronómico que apresenta novas soluções com o uso adequado dos produtos endógenos”.

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES