Segunda-feira, Junho 17, 2024
16.7 C
Braga
RegiãoEsposendeEsposende investe na promoção de um Turismo Acessível

Esposende investe na promoção de um Turismo Acessível

© CM Esposende

No âmbito do programa EScessivel e inserido na estratégia de fomento de um turismo acessível, o Município de Esposende vai implementar, em 2024, um Roteiro Acessível.

Esta ação traduz-se na sinalização, através de um dístico identificativo, dos estabelecimentos de comércio tradicional, restaurantes, pastelarias, hotelaria e equipamentos de visitação que detenham determinadas condições de acessibilidade, como casas de banho adaptadas, rampas de acesso, lugares de estacionamento, entre outras.

A medida enquadra-se na premissa de dotar Esposende de soluções de acessibilidade úteis a todas as pessoas, particularmente dos portadores de deficiência e dos idosos. Neste contexto, realizou-se, no passado domingo, 3 de dezembro, Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, uma caminhada inclusiva, que contou com a adesão de cerca de uma centena de participantes.

Organizada pelo Município de Esposende, em parceria com a Associação Rio Neiva (ADA) e o Agrupamento de Escolas António Rodrigues Sampaio, a iniciativa pretendeu alertar e despertar consciências para a problemática da deficiência e da melhoria das acessibilidades.

O roteiro, inspirado no Caminho dos Mareantes, teve início no Centro de Informação Turística de Esposende, com paragem na renovada Praça D. Sebastião, passando pelo complexo das piscinas municipais Foz do Cávado, rumando até ao Farol de Esposende, local onde foi apreciada a beleza ímpar da Foz do Cávado. O regresso foi aconchegado com uma paragem na pastelaria “Rio Doce”, onde os participantes puderam degustar a “Vieira de Santiago”, criação do Pasteleiro Pedro Carneiro, que pretende ser uma doce homenagem aos peregrinos do Caminho Português da Costa para Santiago e Compostela. Foi também visitada a Igreja Matriz de Esposende, finalizando o roteiro na Igreja da Misericórdia de Esposende.

“Sem deixar ninguém para trás, pretendeu-se com esta atividade não só assinalar o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, como também aferir e apurar as necessidades para as pessoas com mobilidade reduzida, numa lógica de melhoramento contínuo. Neste sentido, a caminhada associou o aspeto lúdico à vertente pedagógica, colaborativa e participativa, numa convivência que se revelou alegre, amistosa e muito familiar”, refere a Câmara Municipal de Esposende.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES