Segunda-feira, Junho 14, 2021
25.6 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende associa-se à Semana Ibérica sobre Espécies Invasoras

Esposende associa-se à Semana Ibérica sobre Espécies Invasoras

CM Esposende

Esposende associou-se à Primeira Semana Ibérica sobre Espécies Invasoras, que decorre de 29 de maio a 6 de junho, uma iniciativa promovida pela Rede Portuguesa de Estudo e Gestão de Espécies Invasoras – Rede InvECO, pela plataforma INVASORAS.PT e pelos projetos LIFE STOP Cortaderia e LIFE INVASAQUA, em colaboração com diversas entidades.

Neste sentido, o Município, em parceria com a empresa municipal Esposende Ambiente, desenvolveu ações pontuais de sensibilização e controlo manual de infestantes. Em articulação com Associação Florestal do Cávado foi, ainda, efetuado o controlo de uma mancha de espinheiro-bravo (Hakea sericea), eliminando todos os exemplares conhecidos desta espécie no concelho, dando-a, assim, por extinta localmente. Esta espécie australiana forma bosquetes densos e impenetráveis, obstrói o desenvolvimento da vegetação nativa, afeta a vida selvagem, reduz a quantidade de água disponível e aumenta a probabilidade de ocorrência de fogo.

As espécies invasoras são uma das maiores ameaças ao bem-estar ambiental e económico do planeta. Muitas destas espécies foram introduzidas intencionalmente para determinados fins, no entanto, a sua elevada capacidade de adaptação e reprodução retiram cada vez mais espaço às espécies locais. Para além de impactes económicos elevados, quer ao nível da produção, quer na aplicação de medidas de controlo e recuperação de sistemas invadidos, estas espécies originam impactes na saúde pública, quando são espécies tóxicas, cortantes, que provocam doenças, alergias, ou funcionam como vetores de pragas. Provocam também a diminuição da disponibilidade de água nos lençóis freáticos, impactes no equilíbrio dos ecossistemas conseguido ao longo de milhares de anos de evolução, e impactes nos serviços dos ecossistemas, afetando desde a produção de alimentos, o fornecimento de água e recursos diversos, a regulação do clima, cheias, doenças, o valor estético e cultural das paisagens, entre outros aspetos.

As espécies detetadas podem ser carregadas no portal e devem, sempre que possível, ser eliminadas.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS