Domingo, Setembro 25, 2022
12.8 C
Braga
InícioRegiãoEsposendeEsposende Ambiente organiza atividades de educação ambiental para os mais novos

Esposende Ambiente organiza atividades de educação ambiental para os mais novos

© CM Esposende

Com o objetivo de ocupar os tempos livres das crianças e jovens durante as férias letivas do verão, a empresa municipal Esposende Ambiente tem vindo a promover, desde o início de julho, um conjunto diversificado de atividades lúdico-pedagógicas, no âmbito do plano de atividades do Centro de Educação Ambiental 2021/2022 e do Programa da Bandeira Azul 2022.

Estas atividades, ligadas a temáticas ambientais relacionadas com a proteção dos ecossistemas e da biodiversidade, a problemática do lixo marinho e a política dos 3 R’s, e que visam alertar para a necessidade de todos adotarem comportamentos e práticas ambientalmente sustentáveis em contexto de férias, decorrem nas praias galardoadas com a Bandeira Azul e nos espaços do Centro de Educação Ambiental. Até à data, contabilizam já a participação de quase 800 crianças e jovens provenientes de diversas instituições e centros de estudo concelhios e não só, bem como crianças a título particular.

Na Praia Suave Mar, em Esposende, decorreu no dia 5 de agosto, mais uma sessão da “Caça à Beata. Esta iniciativa, cuja primeira sessão teve lugar na Praia de Ofir, no dia 1 de agosto, visa a sensibilização dos mais jovens e dos banhistas para o problema ambiental decorrente de descarte inapropriado das beatas de cigarros. Estas ações contaram com a participação do CATL de Rio Tinto e da Espozende Surf School, bem como de particulares, envolvendo quatro dezenas de crianças e jovens que dedicaram parte do seu tempo de férias a recolher cerca de 4300 beatas erradamente deitadas para o chão. Estima-se que 15 mil milhões de cigarros sejam vendidos todos os dias no Mundo e diversos estudos indicam que 4,5 mil milhões de beatas acabem no chão todos os anos. Só em Portugal, calcula-se que sejam deitadas ao chão cerca de 7 mil beatas a cada minuto.

Até final do mês de agosto é possível ainda participar numa das atividades dirigidas a crianças e jovens dos 5 aos 12 anos, como é o caso das iniciativas “SOS Ecossistemas em perigo” e “Um passeio pela biodiversidade”, da oficina “Use e re-Use no verão” ou da peça de teatro de marionetas “O casamento de Krappi”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS