Sexta-feira, Fevereiro 3, 2023
12.3 C
Braga
InícioBragaDupla de dança de Braga candidata ao prémio “Jovem Promessa”

Dupla de dança de Braga candidata ao prémio “Jovem Promessa”

© RS Ballroom Team

Guilherme Dias e Joana Ferreira, par de dança desportiva da escola RS Ballroom Team, em Braga, foram nomeados pela Federação Portuguesa de Dança Desportiva para serem candidatos ao prémio “Jovem Promessa”, da Confederação do Desporto de Portugal.

A Gala do Desporto decorre no dia 1 de fevereiro, no Casino Estoril, e anunciará os vencedores em cada uma das categorias a concurso, nomeadamente atleta feminino, atleta masculino, jovem promessa, treinador, equipa e desporto adaptado.

Cada Federação Desportiva pode nomear um candidato em cada categoria, cabendo depois a um júri escolher os finalistas, sendo que o resultado final recai depois sobre o júri e o público, através de votação online.

Joana e Guilherme praticam a modalidade de dança desportiva (salão) em latinas, tendo estado a competir na época 2022, no escalão junior I intermédios.

Este par iniciou o seu percurso competitivo na dança em 2019 – ao que se seguiu um longo período de paragem de quase dois anos devido à pandemia – tendo-se sagrado Campeão Nacional na época passada, tendo ainda sido vencedor (campeões de ranking) do Circuito Nacional da FPDD – vencendo todas as provas do circuito no seu escalão – a que se somou depois a vitória no Campeonato Regional do Baixo Minho.

O par conta ainda com algumas vitórias em competições além-fronteiras, como foi o caso de dois troféus consecutivos Euro-Cidade Valença Tuy. Guilherme e Joana tiveram também um momento de grande notoriedade recente com a sua participação no Got Talent Portugal, onde foram semi-finalistas em 2021.

Guilherme tem 12 anos e Joana tem 11. Ambos treinam sob a orientação do professor Ricardo Silva (coadjuvado por Luísa Lima e Vítor Fernandes) e são os atletas mais jovens nomeados na categoria de Jovem Promessa para a Gala da Confederação do Desporto de Portugal, de entre todas as modalidades desportivas a concurso.

O par de dançarinos sentiu-se bastante acarinhado e reconhecido com esta distinção por parte da ederação Portuguesa de Dança Desportiva, que encara também como “uma responsabilidade acrescida para fazer sempre mais e melhor no futuro próximo, em prol da arte da dança”, assumindo-se como “um exemplo e fator de motivação dos mais jovens para a importância da prática desportiva”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS