Cursos livres de chinês na Universidade do Minho com inscrições abertas
Sábado , Setembro 19 2020 Periodicidade Diária nº 2579
Principal / Educação / Cursos livres de chinês na Universidade do Minho com inscrições abertas

Cursos livres de chinês na Universidade do Minho com inscrições abertas

Instituto Confúcio

O Instituto Confúcio da Universidade do Minho tem abertas as inscrições para os cursos livres de Chinês Turístico e Comercial e de Língua e Cultura Chinesas.

O primeiro arranca a 17 de outubro e decorre até junho de 2021, ao sábado de manhã, no campus de Gualtar, em Braga. O segundo arranca na mesma semana e com duas opções: à segunda e quarta-feira, às 18h30-20h00, no campus de Gualtar; ou à terça e quinta-feira, à mesma hora, no campus de Azurém, em Guimarães.

Chinês Turístico e Comercial é oferecido nos níveis básico, intermédio e avançado. O nível básico permite o conhecimento geral da língua chinesa e de como esta difere da escrita alfabética. As aulas incluem ferramentas audiovisuais, inclusive para estudo pessoal. O aluno vai poder dominar vocabulário e expressões para comunicações comuns e habituar-se à escrita e leitura ideográfica.

No final, terá um certificado de participação, ficando apto para o Exame Oficial de Língua Chinesa (HSK), nível I, o único que reconhece o nível de Chinês em qualquer parte do mundo. Já nos outros níveis do curso desenvolve-se a expressão oral e escrita, a compreensão auditiva e textual e o conhecimento e a sensibilidade culturais, em particular para o turismo e comércio, garantindo também preparação para os níveis seguintes do Exame HSK.

O curso livre de Língua e Cultura Chinesas é oferecido nos níveis básico e intermédio e tem um contexto similar, embora proporcionando unidades culturais sobre o quotidiano, os ambientes profissionais, a geografia, a história e a cultura chinesas, essenciais para vencer barreiras comunicacionais interculturais.