Cozinha solidária de Braga celebra 50.000 refeições servidas
Quinta-feira , Outubro 1 2020 Periodicidade Diária nº 2591
Principal / Notícias / Cozinha solidária de Braga celebra 50.000 refeições servidas

Cozinha solidária de Braga celebra 50.000 refeições servidas

Foto: Colégio Luso-Internacional de Braga

Há quase 5 meses que a cozinha solidária do projeto “Virar a Página” prepara e distribui duas refeições diárias a cidadãos carenciados da cidade de Braga. Provisoriamente alojada no Centro Paroquial de Gualtar, esta cozinha solidária tem dependido exclusivamente de donativos de privados.

Muitos têm sido os voluntários que abraçaram este desafio, lançado em março pelo Colégio Luso-Internacional de Braga (CLIB) e que se associaram a este projeto de refeições solidárias, que atualmente serve diariamente cerca de 350 refeições.

“Graças à boa vontade de particulares e de algumas empresas, conseguimos manter a ação”, revela Helena Pina Vaz, diretora do CLIB e responsável do projeto, acrescentando que “existe a possibilidade de o projeto encerrar a qualquer momento por falta de meios”. Assim, estão a ser recrutadas ajudas de particulares e empresas através da oferta regular de uma mesada de apoio à iniciativa para que a mesma prossiga. Essa mesada pode ter qualquer valor, só se pede que seja um compromisso mensal.

Procurando neste momento que o projeto “Virar a Página” seja convertido numa Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), de forma a poder candidatar-se a apoios públicos, os responsáveis pela iniciativa apelam à solidariedade dos cidadãos. Pedem que não desistam de ajudar e continuem temporariamente a apoiar a cozinha solidaria para que o projeto não termine. Só o continuado apoio da comunidade, durante mais algum tempo, com donativos monetários e de bens alimentares, impedirá o iminente fecho da cozinha solidária.

“Virar a Página” tudo fará para manter o seu serviço à cidade de Braga.

O mais pequeno contributo pode ter um grande impacto. O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região. Apoie aqui.