Domingo, Abril 18, 2021
18.9 C
Braga
InícioEducaçãoCâmara de Famalicão estreita relação com Universidade Católica

Câmara de Famalicão estreita relação com Universidade Católica

CM Famalicão

O Município de Vila Nova de Famalicão assinou, um protocolo com o Centro Regional de Braga da Universidade Católica Portuguesa, visando o estreitamento das relações institucionais ao nível da cooperação do ensino superior com o mercado de trabalho e a relevância da partilha de saberes e conhecimento entre as instituições.

A celebração deste protocolo, que tem a duração de dois anos, foi aprovada em Reunião de Executivo da Câmara Municipal, no passado dia 28 de janeiro.

De acordo com o protocolado, o objetivo passa por estabelecer formas de cooperação entre o CRBr-UCP e a autarquia famalicense, “visando o aproveitamento das potencialidades das entidades para o desenvolvimento do conhecimento e das tarefas específicas de cada uma, valorizando assim, a ação de ambas ao serviço da prossecução dos respetivos objetivos, em particular, e da promoção da qualidade de vida da população, em geral”.

Ao CRBr-UCP, compete, por meio das suas unidades orgânicas e no quadro do seu projeto educativo e da sua oferta formativa nas diferentes áreas, cooperar com a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão “na partilha de informação e de conhecimento pertinente sobre as áreas de interesse”, “no desenvolvimento de eventuais projetos, cursos livres, estudos e/ou trabalhos decorrentes das atividades letivas relacionadas com a sua oferta formativa” e “na realização, concretização ou divulgação de ações, estudos ou trabalhos de interesse mútuo e/ou especialidade das partes”.

Por seu turno, o Município de Vila Nova de Famalicão compromete-se, pelo presente acordo, a colaborar, “sempre que aplicável e possível, no contexto da oferta formativa do CRBr-UCP” a acolher estágios, a facilitar informação que considere pertinente para a realização de projetos, estudos científicos e/ou trabalhos académicos, na na realização e publicação de estudos científicos e/ou trabalhos académicos e na divulgação da oferta formativa do CRBr-UCP.

Segundo o vereador da Educação, Leonel Rocha, este protocolo resulta de um trabalho “estruturado entre o Município e as universidades, de uma forma geral”, que visa alcançar uma “maior eficácia” nos objetivos, concretamente, na “validação empírica do trabalho que está já a ser realizado”. No fundo, Leonel Rocha aponta que se pretende, ainda mais, “ajudar os famalicenses nas áreas específicas de cada instituição universitária”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS