Sexta-feira, Maio 7, 2021
15.6 C
Braga
InícioBragaCâmara de Braga procedeu à limpeza de 1.312,08 toneladas de resíduos sólidos

Câmara de Braga procedeu à limpeza de 1.312,08 toneladas de resíduos sólidos

CM Braga

O Município de Braga procedeu à limpeza de 1.312,08 toneladas de resíduos sólidos, espalhados por 13 freguesias do concelho, no âmbito do Programa de Valorização Ambiental das Freguesias.

As freguesias intervencionadas foram Priscos 369,84; Tebosa 24,9; São Paio D’Arcos 181,8; Figueiredo 50,82; Tadim 86,14; São Vicente 118,86; Sequeira 17,96; Nogueira e Lamaçães 33,18; Mire de Tibães 110,90; Crespos 37,82; Sobreposta 271,42; e Palmeira 8,98.

Altino Bessa, vereador do Ambiente, alertou para o problema da existência de lixeiras espalhadas pelo concelho, “onde se encontra todo o tipo de resíduos, desde eletrodomésticos, pneus e colchões a entulho das obras, entre outros, que evidenciam comportamentos errados que, além de prejudicarem a paisagem e o ambiente e representarem uma despesa para os contribuintes, levam outras pessoas a depositarem também o seu lixo, criando assim lixeiras de maiores dimensões”.

Foram também identificadas muitas situações de depósito de lixo de maior dimensão junto aos contentores de lixo.

Como salientou Altino Bessa, “com esta ação pretendeu-se também sensibilizar a população para a necessidade de adopção de práticas ambientais responsáveis e promover a educação ambiental das populações, principalmente dos adultos que, por via dos seus comportamentos, transmitem aos mais novos comportamentos errados”.

O vereador sublinhou a importância de cuidar da paisagem, do ambiente e da qualidade de vida no concelho, bem como a necessidade da população adotar práticas de vigilância, denunciando às autoridades os responsáveis pelo depósito de resíduos através de email para [email protected] ou [email protected], se possível com fotografias, nomes e/ou contactos que permitam identificar os infratores.

Apoie o jornalismo.

A Braga TV é um canal de informação independente. Todas as notícias e conteúdos são e continuarão a ser disponibilizados gratuitamente.

Para continuar a oferecer um serviço de informação de referência na região, precisamos do apoio dos nossos leitores para continuar a desempenhar o nosso papel de informar.

Precisamos do seu contributo, caro leitor.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS