Sexta-feira, Abril 19, 2024
14.3 C
Braga
BragaBraga voltou a marcar presença no Salão Mundial de Turismo de Paris

Braga voltou a marcar presença no Salão Mundial de Turismo de Paris

© CM Braga

O Município de Braga, no âmbito da sua internacionalização enquanto destino turístico, voltou a marcar presença no Salão Mundial de Turismo de Paris. Nesta mostra turística, que decorreu de 16 a 19 de março, na Expo Porte de Versailles, estiveram reunidos cerca de 500 destinos e mais de 400 profissionais entre agências de viagens, operadores turísticos, unidades de alojamento e atividades de lazer, jornalistas e influencers.

Este evento apresentou a todos os visitantes a possibilidade de explorar novos destinos e a participação em novas experiências em todo o mundo. Esta Feira Mundial de Turismo decorreu em simultâneo com a Feira de Destinos de Natureza e, segundo a organização, passaram por este evento cerca de 100.000 visitantes.

A cidade de Braga apresentou-se novamente em espaço próprio sendo a única cidade portuguesa presente a par dos stands das regiões dos Açores e da Madeira. “Numa economia global, a competitividade entre os destinos turísticos rege-se pela capacidade de atrair o maior número de turistas, satisfazendo as suas vontades e desenvolvendo-se de modo sustentável sem entrar em confronto com o estilo de vida da população residente. Identificámos várias motivações que são importantes para os franceses na escolha do destino Portugal e apresentámos todas as potencialidades e atrativos turísticos de Braga e do Minho”, refere António Barroso, da Câmara Municipal de Braga.

Pela primeira vez, Braga foi convidada a realizar duas apresentações no palco principal do certame, a “Grand Scéne”, e organizou uma conferência promocional no auditório destinado a apresentações dirigidas por jornalistas franceses de turismo e viagens. “Foi mais uma ação que permitiu ao público presente interagir com os representantes dos destinos, colocando questões, esclarecendo dúvidas sobre alojamento, transportes, alimentação, entre outros”, explica o responsável, sublinhando o facto de o mercado francês ser o segundo maior mercado emissor de turismo para Braga. Nesse sentido, continua, “reforçámos e concretizámos os objetivos da estratégia para 2023 junto dos mercados com elevado potencial e retorno económico”.

“Apostamos ainda no denominado ‘mercado da saudade’, onde o vínculo aos nossos emigrantes, sobretudo fora do Norte, são um importante mercado a atrair para conhecerem todas as riquezas e atractivos que Braga oferece”, concluiu António Barroso.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES