Quinta-feira, Abril 22, 2021
17.8 C
Braga
InícioBragaBraga recebe Centro de Operações Regional dos Censos 2021

Braga recebe Centro de Operações Regional dos Censos 2021

CM Braga

Braga recebe o Centro de Operações da Coordenação Regional dos Censos 2021. A estrutura está instalada no Altice Forum Braga e vai coordenar os trabalhos em 18 Municípios do Minho, envolvendo 37 delegados e um coordenador regional.

Esta semana, o Instituto Nacional de Estatística, I.P. (INE) iniciou a Sessão Informativa dos Coordenadores de Freguesias para esta operação censitária de recenseamento da população e da habitação, num processo que começou a ser preparado em sezembro do ano passado, com o Município de Braga a empregar os esforços para que a operação dos Censos 2021 “decorra com todo o profissionalismo, segurança e eficiência”.

Os trabalhos iniciaram com a reunião entre a Autarquia de Braga e responsáveis do INE a 21 de dezembro, seguindo-se uma reunião por videoconferência com todos os presidentes de Junta de Freguesia do concelho a 4 de fevereiro, posteriormente, os trabalhos passaram a ser estruturados com todos os coordenadores e subcoordenadores de freguesia.

A preparação da operação censitária decorre em estreita colaboração com as Autarquias locais e, no concelho de Braga, o apoio do Município e da InvestBraga possibilitou a instalação do Centro de Operações Regional no Altice Forum Braga, numa estrutura que permite cumprir, com rigor, as normas de segurança sanitária estabelecidas no Protocolo de Segurança de Saúde Pública celebrado entre o INE a Direção-Geral da Saúde (DGS) para esta operação Censos 2021.

Até ao final de março, vão passar pelo Altice Forum Braga cerca 250 de pessoas, entre Coordenadores de Freguesia e Recenseadores em contexto de formação. A partir de 5 de abril, começa o trabalho no terreno que passa pelo reconhecimento da área de trabalho e distribuição dos códigos livres nas caixas de correio de todos os alojamentos, por parte de recenseadores devidamente credenciados.

São estes códigos que vão permitir aos cidadãos responder, de forma autónoma aos Censos, através da internet, ajudando a traçar o retrato atualizado da população e da habitação em Portugal.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS