Domingo, Setembro 19, 2021
18.2 C
Braga
InícioBragaBraga: José Macedo lamenta "abandono do atual executivo" perante associações de São...

Braga: José Macedo lamenta “abandono do atual executivo” perante associações de São Vicente

© José Macedo

José Macedo, candidato independente à Junta de Freguesia de São Vicente, em Braga, reuniu com a Associação de Moradores das Andorinhas e com a Rusga de São Vicente. No encontro, o candidato lamentou o “abandono do atual executivo” perante estas coletividades vicentinas.

O candidato ouviu “as queixas dos moradores” do Bairro das Andorrinhas e das instituições, apresentando algumas das medidas da sua candidatura. “É com tristeza, mas não com admiração, que constatamos que existiu um abandono do atual executivo que agora se propõe a sufrágio novamente, perante estas instituições e até dos próprios bairros. Aliás, uma das queixas maiores apresentadas, é a falta de proximidade de todo o atual executivo perante a própria freguesia. Mas isso iremos mudar a partir de 26 de setembro. Também no decorrer das reuniões, foi inicialmente abordado o trabalho de mérito realizado pela Associação de Moradores e pela Rusga de São Vicente”, disse José Macedo.

Uma das medidas do programa eleitoral da sua candidatura é “a criação do Pentágono Associativo Vicentino (PAV), assente nas bases das coletividades e associações, na Junta de Freguesia, na comunidade vicentina, no Município e no Governo. Também a formação de um departamento criado num principio de omnicanalidade, destinado exclusivamente à interação e união de sinergias entre as coletividades; apoiar a formalização de apoios e patrocínios em programas municipais e governamentais, assim como uma APP Móvel, onde constarão todas as coletividades e os seus planos de atividade e contactos. E, por fim, um departamento de portas abertas para o associativismo, com reuniões bimensais entre todas as coletividades”, sublinhou o candidato.  

Na Rusga de São Vicente, José Macedo enalteceu o papel de “embaixador que a própria tem sido da freguesia e da cidade de Braga”. O candidato quer “fomentar a relação institucional, apoios e divulgação da coletividade”.

Na reunião com a Associação de Moradores das Andorinhas, José Macedo referiu que “foi feita uma breve análise ao trabalho desenvolvido pela mesma, tanto no âmbito social, no apoio escolar e no cumprimento de um plano de atividades bastante completo”.

O candidato enalteceu o trabalho que a associação desenvolveu em plena pandemia, assim como o trabalho realizado com a Plataforma dos Amigos da Freguesia de São Vicente, na pessoa de José Macedo. “Não deixámos ninguém para trás. Este foi o nosso mote em plena pandemia e ambas as entidades atuaram muitas vezes em conjunto”, referiu.

José Macedo quer recuperar o projeto “Polícia de Proximidade”, numa futura articulação com a PSP e com a Policia Municipal de Braga.  O candidato quer a reorganização da rede viária e irá apresentar a criação de uma artéria entre a Rua Fernando Castiço e a Rua Abade Loureira para “retirar trânsito ao Bairro da Misericórdia e permitir uma maior fluidez do transito, trazendo de novo os transportes públicos ao Bairro das Andorinhas”.

Outra medida que o candidato pretende é “a fiscalização do estado das infraestruturas da freguesia”, numa parceria com as Associações de Moradores, que serão agentes de comunicação da Junta de Freguesia.  “A articulação da Junta de Freguesia e de algumas entidades no âmbito social, irá também permitir um reforço do acompanhamento dos jovens e dos idosos da freguesia, conseguindo suprimir algumas das suas necessidades”, afirmou José Macedo.   

De ambas as reuniões, o candidato esclareceu que “há uma necessidade urgente de mudar o paradigma de atuação da Junta de Freguesia junto das coletividades”.

Com o PAV, José Macedo quer a “preservação e divulgação do património, a segurança e a ação social, assim como a dinamização do desporto e cultura, assentes numa política de sustentabilidade que permitirá tornar São Vicente numa das melhores freguesias de Braga. “Não identificamos apenas problemas, apresentamos também soluções, pois sempre foi assim a nossa forma de estar na freguesia”, finalizou.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS