Braga foi cidade anfitriã das comemorações do Dia da Europa
Sexta-feira , Agosto 7 2020 Periodicidade Diária nº 2536
Principal / Notícias / Braga foi cidade anfitriã das comemorações do Dia da Europa

Braga foi cidade anfitriã das comemorações do Dia da Europa

Ricardo Rio espera que a futura agenda da União Europeia “valorize as políticas urbanas”. Na cerimónia comemorativa do Dia da Europa, que se realizou esta quinta-feira, no Theatro Circo, em Braga, o autarca defendeu que as cidades devem ser “agentes catalisadores do desenvolvimento europeu e de mediação entre os cidadãos e a União Europeia”.

“Uma Europa que tenha cidades mais fortes, mais capacitadas, será, certamente, uma Europa mais rica e mais solidária”, afirmou Ricardo Rio na cerimónia que contou com a presença do Comissário Europeu, Carlos Moedas, e do Secretário de Estado Adjunto e da Modernização Administrativa, Luís Goes Pinheiro.

Ricardo Rio assinalou que Braga “corporiza muitos dos vetores que devem marcar o presente e o futuro da Europa”, sublinhando o potencial inovador da cidade que, depois de ter sido Capital Europeia da Juventude em 2012, Capital Ibero-Americana da Juventude em 2016 e Cidade Europeia do Desporto em 2018, quer ser eleita Capital Europeia da Cultura em 2027.

“Quem bom seria que a Europa fosse mais bracarense e pudesse replicar aquilo que hoje é a realidade da nossa cidade, não apenas na energia do seu crescimento económico, na sua capacidade inovadora, mas pela sua aposta na cultura, na valorização do património, na solidariedade e no apoio aos que mais precisam”, afirmou o ddil.

As comemorações do Dia da Europa incluíram, ao longo do dia, diversos eventos co-organizados pela Comissão Europeia em Portugal, pelo Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal, pelo Banco Europeu de Investimento e pela Câmara Municipal de Braga.

A par da cerimónia realizada no Theatro Circo, o dia ficou marcado pela visita ao Centro de Inovação Social de Braga – “Human Power Hub”, instalado no Edifício do Castelo. Com este centro, co-financiado pelo Programa Operacional Portugal 2020, o Município de Braga lança um espaço vocacionado para o empreendedorismo, capaz de acolher redes colaborativas e de impulsionar projetos especificamente dedicados ao empreendedorismo e inovação urbana, social e cultural. “Estamos a criar condições para que Braga marque a diferença no estímulo à concretização de projetos com impacto no território, pois temos a consciência clara que os velhos problemas necessitam de novas soluções”, referiu Ricardo Rio.

As comemorações arrancaram com uma acção de rua que visou a sensibilização para o voto nas Eleições Europeias de 26 de maio. No gnration, o Comissário Europeu Carlos Moedas participou no arranque do Festival Política, que decorre até este sábado, com uma conversa sobre a temática europeia.

Seguiu-se a inauguração da instalação “Free Entrance”, da autoria de Pedro Pires, junto ao monumento a João Paulo II, na Avenida Central.  Inspirado pelo livro “Handbook of tirany” de Theo Deutinger, este projeto pretende confrontar o público com uma escultura feita de gradeamentos e de dois torniquetes verticais, que os convida a entrar num pequeno espaço através de dois torniquetes, que giram para ambos os lados.

As comemorações encerraram à noite com um concerto solidário de Rui Veloso, no Altice Forum Braga, cujas receitas reverteram para a Juventude da Cruz Vermelha de Braga.