Braga e Shenyang criam fundações para 'parceria frutuosa'
Terça-feira , Agosto 4 2020 Periodicidade Diária nº 2533
Principal / Notícias / Braga e Shenyang criam fundações para ‘parceria frutuosa’

Braga e Shenyang criam fundações para ‘parceria frutuosa’

Uma delegação liderada pelo vice-presidente do Comité Popular Municipal de Shenyang, Nie Honsheng, com uma comitiva de Braga para discutir o aprofundamento de relações entre as duas cidades e apontar já áreas específicas para estabelecimento de relações bilaterais. Firmino Marques, que encabeçou a comitiva municipal, referiu que “estão criadas as fundações para estabelecermos uma parceria frutuosa com Shenyang, com vantagens para ambas as cidades”.

Os destaques desta reunião foram o turismo, as trocas comerciais e investimento chinês, o ensino e o desporto, com particular interesse de Shenyang em “beber” da experiência do SC Braga. No sentido de apresentar da melhor forma as diferentes valências do concelho, estiveram também presentes nesta reunião, o presidente da InvestBraga, Carlos Oliveira, a pró-reitora da Universidade do Minho, Carla Martins, o secretário-geral da ACB, Rui Marques, o vice-presidente da AIMinho, Francisco Marques, e ainda os representantes do SC Braga, Daniela Pereira e Rui Santos.

Nie Honsheng começou por referir que tinha um mandato muito claro por parte do presidente do Município chinês, que está a preparar uma visita a Portugal ainda este ano, para iniciar contactos com vista a criar relações de cooperação em áreas muito específicas. “Sendo Portugal o quinto destino estrangeiro de investimento chinês, temos muito interesse em aumentar estes números e criar novas relações comerciais, captando o vosso know-how, a vossa tecnologia e conhecimento”

Carlos Oliveira, que apresentou o trabalho desenvolvido pela InvestBraga nas diferentes valências, apontou direções muito específicas e ficou acordado que irá ser fornecido muito em breve a Shenyang um dossiê completo de possíveis áreas de investimento e cooperação económica.

O responsável de Shenyang referiu ainda que há interesse da China em aumentar o número de ligações diretas entre os dois países, fazendo com que os fluxos turísticos cresçam ainda mais. “Estamos impressionados com Braga e o seu potencial turístico, pelo que pensamos que é importante cooperar nesta área e dar a conhecer os nossos territórios aos nossos habitantes”, referiu o líder da comitiva chinesa, que transmitiu ainda uma mensagem do Reitor da Universidade de Shenyang. “Desejam colaborar ativamente com a Universidade do Minho em dois domínios: ciência e línguas”, repto este que foi aceite por Carla Martins, que apresentou a Universidade do Minho e todo o potencial de colaboração com a China. A aposta no futebol, uma realidade cada vez mais presente na China, é outra das potenciais colaborações, pois os responsáveis de Shenyang ficaram impressionados com as potencialidades que o SC Braga apresenta.

Depois de iniciados contactos no passado mês de março com Shenyang, esta visita insere-se na preparação de um acordo de geminação entre as duas cidades e que será o primeiro de Braga com uma cidade asiática. Shenyang é a capital e maior cidade da província de Liaonin com cerca de 8 milhões de habitantes. É uma cidade emergente, com uma forte aposta nos sectores da tecnologia, comércio e turismo. Com mais de dois mil anos de história, Shenyang é um importante centro cultural e universitário desta região chinesa.