Quinta-feira, Maio 26, 2022
26.2 C
Braga
InícioBragaBraga comemora os 650 anos da Aliança Luso-Britânica com várias iniciativas

Braga comemora os 650 anos da Aliança Luso-Britânica com várias iniciativas

© CM Braga

O programa das comemorações dos 650 anos da Aliança Luso-Britânica foi apresentado esta quarta-feira, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, em Braga, numa conferência de imprensa liderada por Ricardo Rio, presidente do Município, que esteve acompanhado por Katherine Felton, Chefe de Política da Embaixada Britânica em Lisboa e Maria João Rodrigues de Araujo, presidente de Portugal-UK 650.

Trata-se de um programa muito alargado, da iniciativa de Portugal-UK 650, que engloba diversas ações trabalhadas em parceria com mais de 100 instituições portuguesas e britânicas, nomeadamente a Câmara Municipal de Braga, no âmbito da investigação, educação, cultura, comércio, de cooperação e sociais e que irão decorrer até meados de 2023.

A celebração dos 650 anos da aliança diplomática mais antiga e mais duradoura do mundo e que permanece em vigor é realizada em Braga pela cidade ser a capital do distrito onde foi assinado o primeiro tratado entre Inglaterra e Portugal a 10 de julho de 1372, conhecido pelo Tratado de Tagilde, e conduziu ao Tratado de Aliança, assinado um ano depois (16 de Junho de 1373), em Londres, na Catedral de S. Paulo.

Para Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, a associação da cidade a estas comemorações “é motivo de orgulho e grande satisfação ser um dos epicentros da celebração de uma relação histórica do nosso país e que tem produzido muitos frutos em diversos domínios. Neste conjunto de iniciativas estão particularmente valorizadas as dimensões culturais, demonstrando que a cultura é sempre uma boa porta para o relacionamento entre os povos e diferentes nações. Num contexto como aquele em que hoje vivemos, no qual é preciso estreitar cada vez mais os laços para lá das nossas fronteiras, tudo o que contribua para revitalizar e afirmar uma relação tão forte como esta, é extremamente importante”.

Já Katherine Felton, conselheira política da Embaixada Britânica em Lisboa, referiu que “é uma honra juntarmo-nos a parceiros tão prestigiados na lindíssima cidade de Braga para o lançamento das comemorações dos 650 anos da relação bilateral e de amizade entre portugueses e britânicos, que desejamos continuar a aprofundar no futuro. Estamos muito entusiasmados com o vasto conjunto de iniciativas, que acreditamos que assinalam em Portugal e no Reino Unido, da forma mais distinta a verdadeira essência desta antiga aliança entre os nossos dois países”.

Portugal-UK 650 é a iniciativa responsável pelas comemorações do 650º aniversário da Aliança Luso-Britânica em Portugal e no Reino Unido e espera contribuir para uma sociedade mais segura e fraterna, com maior conhecimento do seu património histórico-cultural, mais solidariedade internacional e um diálogo, cooperação e amizade fortalecidos entre os cidadãos de ambos os países.

A presidente da iniciativa, Maria João Araujo, fez o enquadramento histórico da Aliança Luso-Britânica, referiu a sua importância para os dias de hoje e elencou as diversas atividades que estão previstas para os próximos dois anos e pensadas para todas as faixas etárias.

Um congresso interdisciplinar e webinars sobre a Aliança Luso-Britânica, vários projetos de colaboração entre instituições de ambos os países, incluindo um projeto de investigação interdisciplinar, intercâmbios entre escolas, recursos educativos para alunos desde o pré-escolar até ao secundário, uma Gala no Theatro Circo com performances de artistas portugueses e britânicos, o projeto “6.50 Trooping the Colour”, desenvolvido pelo Agrupamento de Escolas de Alberto Sampaio, uma nova ópera criada pelo estúdio de ópera do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, e o projeto Dance in Perpetuity/Dança na Perpetuidade, são algumas das intervenções que fazem parte das celebrações dos 650 anos da Aliança Luso-Britânica.

Fleur Derbyshire-Foix e Laura Harvey, diretora do English National Ballet e chefe de programas Criativos do English National Ballet, respetivamente, tiveram a oportunidade de explicar o conceito do projeto. Um projeto que irá decorrer, em simultâneo, em Braga e no Reino Unido, desenvolvido pelo English National Ballet, pela autarquia bracarense e por Portugal-UK 650.

Uma iniciativa que permite que as entidades parceiras possam celebrar a Aliança Luso-britânica através de um projeto de performance, em larga escala, fundamentado nos valores fundacionais da Aliança Luso-Britânica, envolvendo artistas, escolas, comunidades locais, além de um intercâmbio internacional.

No âmbito da celebração desta data está a ser desenvolvida uma nova dança para que todos celebrem a aliança, como parte do projeto “Dança na Perpetuidade”. O tema “Dança da Celebração” foi criado para que todos participem, sejam amadores ou artistas. A coreografia será acessível, inclusiva e divertida, tendo a paz e a amizade perpétuas como tema central.

Joana Miranda, coordenadora do Braga Media Arts, abordou ainda a realização de uma parceria com a cidade inglesa de York e Londres, que são “uma grande oportunidade” para a criatividade da arte e da cultura puderem atuar. “Estamos a desenvolver dois projetos únicos. O projeto colaborativo e artístico ‘Surrounds’ irá envolver estudantes de Braga e de York, abordando a temática do Ambiente. Com Londres, estamos a desenvolver um projeto de parceria com a Guildhall School of Music & Drama, em que a arte, a cultura e a criatividade envolverá a comunidade das duas cidades”.

Para mais informações sobre o programa das comemorações dos 650 anos da Aliança Luso-Britânica consulte aqui.

Apoie a Braga TV

A Braga TV precisa do seu contributo, caro leitor.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS