Terça-feira, Agosto 9, 2022
27.1 C
Braga
InícioBragaBraga adere a projeto para promover a arte e a cultura no...

Braga adere a projeto para promover a arte e a cultura no universo educativo

© CM Braga

O Município de Braga associou-se ao Programa de Educação Estética e Artística (PEEA). Este foi um desafio proposto pela Direção-Geral da Educação e que a comunidade educativa do concelho aceitou.

De 27 a 30 de junho decorreu, na Escola EB1 de Nogueira, a primeira Residência Artística em contexto escolar, integrada no Programa de Educação Estética e Artística (PEEA). Esta iniciativa interministerial, entre as áreas da Educação e da Cultura, contou com a participação ativa do Município de Braga.

Trata-se de uma acção destinada aos alunos do 1ºCiclo do Ensino Básico, com o objetivo de promover a arte e a cultura no universo educativo, contribuindo para a formação global dos alunos. Com este projeto pretende-se ainda transformar as vivências, em contexto de sala, através de experiências culturais e educativas relevantes.

© CM Braga

A vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga esteve presente na apresentação do trabalho desenvolvido pelos alunos da EB1 de Nogueira no âmbito deste projeto e destacou a importância da arte para o desenvolvimento das aprendizagens formais e informais. “O Município de Braga é promotor da Educação Artística e, como tal, tinha de dizer ‘sim’ a um projeto que se verifica tão pertinente e motivador para os nossos alunos. Uma das maiores riquezas deste projeco é o facto de os alunos terem a oportunidade de conviver diretamente com um artista e desenvolverem, através deste contacto, competências artísticas e interpessoais”, referiu Carla Sepúlveda destacando o trabalho que os alunos e docentes da EB1 de Nogueira apresentaram que “é a prova de que a convivência com a arte através do artista lhes permitiu o fortalecimento de laços entre a comunidade”.

Durante esta semana, os alunos da turma do 4º ano da Escola Básica nº1 de Nogueira, acompanhados pela professora titular de turma, trabalharam várias áreas do currículo com a atriz Ana Margarida Carvalho, do Teatro Nacional de S. João. Este projeto consiste, fundamentalmente, na integração de práticas artísticas no dia a dia das escolas.

A iniciativa culminou no dia 30 de junho com a apresentação pública à comunidade permitindo, assim, uma visão do processo artístico. “Este não é só um processo artístico, é também uma verdadeira experiência de cidadania”, concluiu Carla Sepúlveda.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS