Domingo, Julho 25, 2021
15.9 C
Braga
InícioBragaBárbara Barros da CDU candidata-se à presidência da Câmara Municipal de Braga

Bárbara Barros da CDU candidata-se à presidência da Câmara Municipal de Braga

Braga TV

Bárbara Barros é a candidata da CDU à presidência da Câmara Municipal de Braga nas próximas Eleições Autárquicas. O anúncio foi realizado na tarde desta quarta-feira, no salão nobre dos Paços do Concelho.

A candidata da CDU afirmou que é com “especial orgulho” que se vai candidatar à presidência da Autarquia de Braga nas Eleições Autárquicas, pretendendo representar um concelho “mais justo e mais solidário” na governação municipal.

Bárbara Barros quer repor as freguesias “em respeito pela vontade das populações” e valorizar o exercício de poder de proximidade. A candidata relembra as intervenções nos dois últimos mandatos de vereação da CDU no concelho de Braga, dando o exemplo da reinvindicação dos feirantes voltarem a ocupar os lugares no parque de estacionamento do Altice Forum Braga.

“Continuamos a estar com os feirantes na sua justa reinvindicação de voltar a ocupar o seu lugar dentro deste equipamento municipal. A coligação do PSD/CDS/PPM determinou que as melhores condições do parque não serviam para aquela atividade, empurrando-os para o sopé do Monte Picoto e que foi esvaziando e desqualificando a Feira Semanal de Braga”, sublinhou.

A candidata à Câmara Municipal de Braga diz não concordar com a aplicação de um regulamento aos comerciantes e produtores do Mercado Municipal e às coimas aplicadas a estes profissionais. “A aplicação de um regulamento injusto aos comerciantes e produtos do mercado resultou, logo na altura do regresso das instalações temporárias, em desistência face à impossibilidade de muitos de o cumprir. Injustiça que se prolonga e que se reforça com as ameaças de aplicação de coimas avultadas aos profissionais que, toda a vida deram o corpo e tradição ao Mercado Municipal”, criticou.

Bárbara Barros recordou que a redução da taxa do IMI aprovada em 2020 em sede do Executivo Municipal foi proposta da CDU, mas “ainda aquém do valor que propuseram”. A vereadora também mencionou que a reposição das 35 horas semanais aos trabalhadores municipais foi reposta com a insistência do partido através do sindicato que os representa.

Na educação, a candidata criticou o fornecimento de refeições escolares no concelho, salientando que “os custos são inadmissíveis” e falou da insuficiência de assistentes operacionais que as escolas do concelho carecem.

Braga TV

Quanto aos equipamentos culturais, Bárbara Barros realçou que o edifício do São Geraldo “se conseguiu salvar” de uma demolição devido a uma permanente intervenção do seu partido e que continuarão a não permitir a alienação da Fábrica Confiança.

Bárbara Barros destacou as três propostas da CDU que foram incluídas no plano de atividades municipais que foram: a execução de um plano de arborização para compensar os abates de árvores, a criação de parques de estacionamentos na periferia da cidade e a criação de uma resposta social de apoio aos sem-abrigo.

A vereadora e candidata da CDU à presidência da Câmara Municipal de Braga quer dar continuidade ao apoio a todas as freguesias do concelho para dar “mais qualidade de vida” às populações e ao desenvolvimento local.

Para finalizar, Bárbara Barros fez um reconhecimento pessoal a Carlos Almeida, ex-vereador da Câmara Municipal, destacando o seu trabalho como “incansável na defesa da população de Braga.”

Bárbara Barros tem 32 anos e é licenciada em Ciências da Comunicação e pós-graduada em Crime, Diferença e Desigualdade pela Universidade do Minho. A candidata é assessora de comunicação e vereadora da oposição na Câmara Municipal de Braga desde janeiro de 2021.

Apoie a Braga TV

O apoio dos nossos leitores é fundamental para garantir que a Braga TV continue a ser um canal de informação de referência na região.

Contribua com o seu donativo para que possamos continuar a dar informação aos nossos leitores.

Apoie aqui.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS