Sexta-feira, Maio 24, 2024
13.7 C
Braga
BragaAcademia Sénior de Braga começa ano letivo com 400 seniores inscritos

Academia Sénior de Braga começa ano letivo com 400 seniores inscritos

© CM Braga

A Academia Sénior de Braga arrancou hoje para mais um ano letivo e agora com novas instalações. As aulas passam a ser ministradas no Mercado Municipal, para dar resposta ao aumento de alunos inscritos. No total, são 400 seniores que estão a adquirir novos conhecimentos em diversas áreas, num projeto socioeducativo, formativo, social e cultural.

O projeto, que privilegia a estimulação inteletual e física, destina-se a cidadãos com idade igual ou superior a 55 anos, que se encontrem na condição de reformados ou pré-reformados e que, de forma gratuita, têm a oportunidade de usufruir de uma resposta social e educativa de ocupação e enriquecimento dos seus tempos livres.

“Este projeto é um incentivo ao dinamismo e à atividade daqueles que estão numa fase da sua vida com mais tempo livre. É com grande satisfação que vemos este elevado número de inscritos, o que nos levou a ter de mudar de instalações para lecionar a componente teórica”, explicou Sameiro Araújo, vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, durante o início dos trabalhos.

A visita contou ainda com a presença da vereadora Olga Pereira que destacou que este projeto pretende aumentar a qualidade de vida dos bracarenses e combater o isolamento social. “Queremos propiciar um conjunto de atividades de diferente natureza, que sirvam como um fator de enriquecimento pessoal e cultural e que lhes permita dar um contributo à sociedade”, apontou.

A Academia Sénior decorre entre os meses de setembro e junho, e aposta no estímulo da formação permanente, no desenvolvimento da ocupação dos tempos livres, passando pelo crescimento do sentimento de utilidade, bem-estar e integração na comunidade, bem como no favorecimento das relações interpessoais e intergeracionais.

Nesta academia são ministradas várias disciplinas como história e cultura de Braga, teatro, inteligência emocional, informática, inglês, literatura, cidadania, dança, atividade física, viola braguesa ou artesanato, e conta com um conjunto de parceiros e professores, formados nas várias áreas específicas. A componente prática terá lugar na Quinta Pedagógica, no Leroy Merlin, na escola de música Sond’Art. Já a atividade física irá decorrer nos pólos do projeto BragAtiva.

PARTILHE A NOTÍCIA

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

NEWSLETTER

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAGEM

POPULARES